UAI

2

Comemoração de Guga no tri em Roland Garros leva prêmio no Hall da Fama

Ídolo brasileiro venceu votação de 'comemoração mais icônica' por celebrar vitória importante na caminhada rumo ao tri do Grand Slam

03/05/2022 22:47 / atualizado em 04/05/2022 00:40
compartilhe
Após bater Michael Russell e seguir rumo ao tri, Guga desenhou coração com a raquete
foto: AFP PHOTO/FILES

Após bater Michael Russell e seguir rumo ao tri, Guga desenhou coração com a raquete


Nesta terça-feira, o brasileiro ídolo do tênis Guga Kuerten venceu o prêmio de "comemoração mais icônica", promovido pelo Hall da Fama Internacional do tênis.

A celebração feita em 2001, agora considerada a mais icônica do tênis, trata-se daquela em que Guga desenhou um coração com a raquete na quadra do Roland Garros, depois do triunfo diante de Michael Russell. Mais tarde, Guga Kuerten se consagraria campeão do torneio.



Guga conquistou o Roland Garros três vezes: em 1997, 2000 e 2001. O tenista também atingiu a marca de
primeiro brasileiro a alcançar a primeira posição no ranking mundial de ATP.

O tenista brasileiro também disputou a categoria de "melhor história de Cinderela", vencida por Emma Raducanu, primeira britânica a conquistar o US Open (2012) depois de Virginia Wade em 1968.

Tricampeão repetiu gesto ao bater Alex Corretja na final e faturar o tri
foto: AFP PHOTO/FILES

Tricampeão repetiu gesto ao bater Alex Corretja na final e faturar o tri



Compartilhe