UAI

2

Lucarelli desfalca o Brasil na etapa de Brasília da Liga das Nações

Seleção Brasileira, renovada, estreia contra Austrália nesta quarta-feira, no Ginásio Nilson Nelson, sem um dos principais jogadores

07/06/2022 21:08
compartilhe
Com equipe renovada, Brasil, do técnico Renan Dal Zotto, enfrenta Austrália
foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Com equipe renovada, Brasil, do técnico Renan Dal Zotto, enfrenta Austrália


O Brasil estreia nesta quarta-feira na Liga das Nações de Vôlei com um desfalque importante. O ponteiro Lucarelli sofreu lesão muscular na coxa esquerda e está fora da partida contra a Austrália, às 21h (de Brasília), no Ginásio Nilson Nelson, na capital federal. O jogo terá transmissão do SporTV2. 

Lucarelli sentiu incômodo na coxa esquerda no amistoso contra o Japão, domingo passado, em Taguatinga (DF), que terminou com vitória brasileira por 3 a 2. Com isso, o ponteiro campeão olímpico deverá ser ausência durante a primeira semana da Liga das Nações. 

Renan Dal Zotto convocou Birigui, do Sesi-SP, e terá ainda à disposição os ponteiros Rodriguinho e Vaccari, ambos do Cruzeiro, e Adriano, revelação do Campinas e que deverá ser titular na estreia da Seleção na Liga das Nações. 

Também estão convocados para a primeira etapa os levantadoras Bruno e Cachopa, os líberos Maique e Thales, os centrais Lucão, Isac, Flávio e Leandro Aracaju, além dos opostos Franco e Alan. O ponteiro Leal, ex-Cruzeiro, é outra ausência nesta semana, já que ainda está aquém da forma física ideal. 

Bruninho é uma das referências para os novatos da Seleção Brasileira
foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Bruninho é uma das referências para os novatos da Seleção Brasileira



Estímulo aos jovens


Com uma equipe renovada, mas que ainda conta com atletas experientes como o levantador Bruninho, o Brasil estará em ação no Ginasio Nilson Nelson até o próximo domingo, quando fechará a primeira etapa da Liga das Nações contra a China, às 10h. 

Capitão da Seleção, Bruninho se mostrou preparado para liderar os mais jovens em busca da afirmação na equipe, que inicia o ciclo olímpico até os Jogos de Paris, em 2024. "O papel de ser um dos mais experientes em quadra é muito importante. Em certos momentos é preciso tranquilizar os mais jovens. Em outros, motivar e dar um gás. Com uma equipe renovada, essa função é fundamental", avaliou. 

"Alguns estão jogando pela primeira vez a Liga das Nações. Fico muito feliz de ajudar não só dentro de quadra, mas também com essa parte mais sutil, conversando bastante passando a minha vivência, a experiência que tenho dentro da seleção", comentou o levantador.

"Tive a sorte de iniciar com jogadores de uma geração incrível, como Giba, Serginho, Murilo, Gustavo. O que os mais jovens estão passando hoje, eu passei lá em 2006, na minha primeira Liga Mundial. Lembro que tudo o que eu queria era absorver o máximo de conhecimento deles, e agora tenho a função de passar adiante esse conhecimento", completou.

Jogos da Seleção na etapa em Brasília


08/06 - Brasil x Austrália, às 21h - sportv 2
09/06 - Brasil x Eslovênia, às 21h - sportv 2
11/06 - Brasil x Estados Unidos, às 15h - sportv 2
12/06 - Brasil x China, às 10h - TV Globo e sportv 2  


Compartilhe