UAI

2

América recebe o Botafogo em busca de voltar ao G4 do Brasileiro

Coelho tem série de desfalques, vem de longa viagem, eliminação na Libertadores e verá Independência com a presença da torcida visitante em peso

21/05/2022 04:00 / atualizado em 20/05/2022 21:27
compartilhe
América foi eliminado na Copa Libertadores e agora foca no Campeonato Brasileiro
foto: Mourão Panda/América

América foi eliminado na Copa Libertadores e agora foca no Campeonato Brasileiro


O América recebe o Botafogo neste sábado (21), às 21h, no Independência, em Belo Horizonte, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O cenário não favorece o Coelho, que entra em campo com o objetivo de voltar ao G4 da competição. 

A começar pela lista de desfalques. O técnico Vagner Mancini não conta com ao menos seis atletas. Iago Maidana está suspenso, enquanto Juninho, Matheusinho, Everaldo, Paulinho Boia e Wellington Paulista estão lesionados. 

Germán Conti deixou a partida contra o Tolima com dores musculares na coxa direita e é dúvida para o confronto. O zagueiro está sendo avaliado pelo departamento médico. Por outro lado, Aloísio, mesmo após sair do último jogo com dores, treinou normalmente e está à disposição, assim como Alê e Danilo Avelar, atletas que retornam de lesão.

Veja as prováveis escalações ao fim da matéria. 

Além disso, a delegação passou por uma longa viagem, de aproximadamente 20h. O Coelho foi à Colômbia, onde empatou em 2 a 2 com o Tolima, no Estádio Manuel Murillo Toro, pela quinta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. 

O clube desembarcou em Belo Horizonte às 23h de quinta-feira e realizou apenas um treinamento

Dentro de campo, apesar de ter feito uma boa partida contra o Tolima, o time vem de eliminação na Libertadores. Na rodada passada do Brasileiro, o Coelho foi derrotado por 1 a 0 pelo Coritiba, no Couto Pereira, com um jogador a menos desde o fim do primeiro tempo.

A posição na tabela da competição nacional ainda é positiva. O América está em oitavo lugar, com nove pontos. São três vitórias e três derrotas até o momento.
 
A equipe quer ultrapassar o próprio Botafogo, que ocupa a quarta posição, com 11 pontos. Para entrar no G4, ainda dependerá de uma combinação de resultados. 

Para o atacante Henrique Almeida, o América precisa manter o estilo de jogo. Ele também ressaltou a força do time jogando no Independência.

"Dentro de casa somos muito fortes. Tenho certeza que a nação americana também estará nos apoiando e ajudando. O Independência é a nossa casa, tenho certeza que eles não vão se sentir em casa jogando lá. Nós vamos ter imposição, jogar para cima, do jeito que estamos jogando, para sairmos com a vitória", afirmou o jogador, em entrevista coletiva nessa sexta-feira. 

Momento positivo do rival


Além de todos os fatores citados, o América ainda encara um Botafogo embalado. São sete jogos sem perder - desde a chegada do técnico Luís Castro -, vitórias importantes sobre Flamengo e Fortaleza e classificação às oitavas da Copa do Brasil neste período.

Botafogo vem de três vitórias consecutivas, sobre Flamengo, Ceilândia e Fortaleza
foto: Vitor Silva/Botafogo

Botafogo vem de três vitórias consecutivas, sobre Flamengo, Ceilândia e Fortaleza



Em novo momento desde a chegada do empresário norte-americano John Textor, que adquiriu 90% das ações da SAF alvinegra, o clube fez muitos investimentos na última janela de transferências e já vê os resultados dentro de campo.

Foram R$ 65 milhões gastos em 11 contratações. Dos jogadores recém-contratados, devem entrar em campo contra o América o lateral-direito Saravia, o zagueiro Cuesta, os meio-campistas Patrick de Paula e Lucas Fernandes, além do atacante Victor Sá.

Luís Castro tem três desfalques certos para a partida. Os laterais Carlinhos e Rafael, e o atacante Gustavo Sauer seguem se recuperando de lesão. Os meias Chay, com gripe, e Lucas Fernandes, com dores no tornozelo esquerdo, são dúvidas.

O Fogão pode terminar a rodada na liderança da Série A. Além de vencer o América, precisará que Corinthians (líder, com 13 pontos) e São Paulo (terceiro, com 11) empatem o clássico. Dessa forma, o Botafogo chegaria aos mesmos 14 pontos do que o Timão, mas levaria vantagem no saldo de gols.
 
Para o enfrentar o Coelho, a equipe deve contar com a presença de aproximadamente 3,5 mil torcedores no Independência. A diretoria alvinegra pediu, e o Coelho aceitou aumentar a carga de ingressos para visitante

O lateral-direito Saravia projetou o confronto com o América e garantiu que a postura do Botafogo será a mesma de quando atua em casa.

"Vamos jogar da mesma maneira. Temos uma mesma forma de jogar tanto no nosso campo como visitante, e é assim que vamos tratar. Vamos seguir nessa linha, de ir em busca da vitória seja no lugar que for", declarou, em entrevista coletiva nessa sexta-feira.

AMÉRICA X BOTAFOGO

 
América
Jailson; Patric, Lucas Kal (Conti, Gustavo Marques), Éder e Marlon; Zé Ricardo, Rodriguinho (Juninho Valoura) e Índio Ramírez; Felipe Azevedo, Henrique Almeida e Aloísio
Técnico: Vagner Mancini 
 
Botafogo
Gatito; Saravia, Kanu, Cuesta e Daniel Borges; Oyama, Patrick de Paula (Tchê Tchê) e Lucas Fernandes; Diego Gonçalves, Victor Sá e Erison
Técnico: Luís Castro
 
Motivo: sétima rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Local: Independência, em Belo Horizonte
Data e horário: 21 de maio de 2022, às 21h
 
Árbitro: Raphael Claus (FIFA-SP)
Assistentes: Danilo Simon Manis e Neuza Ines Back (FIFA-SP)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Transmissão: Premiere e SporTV

Compartilhe