UAI

2

Salum garante que América pode contratar mesmo sem ajuda de investidor

Dirigente disse que clube pode fazer esforço para dar mais qualidade ao grupo, mesmo sem auxílio financeiro. Desafio é encontrar o jogador ideal

29/06/2022 20:47 / atualizado em 29/06/2022 21:20
compartilhe
Marcos Salum não descarta esforço financeiro do América em contratação
foto: Reprodução/TV Coelho

Marcos Salum não descarta esforço financeiro do América em contratação


Com a reabertura da janela de transferências, a partir de 18 de julho, e o mercado em nova fase de ebulição, o América não descarta a chegada de um reforço de qualidade. O presidente do América SAF, Marcus Salum, disse que o clube pode até fazer um investimento maior, mesmo sem auxílio financeiro de investidor. A busca, de acordo com o dirigente, seria não pelo parceiro na negociação, mas sim por um reforço ideal para o time no segundo semestre. 

Em coletiva virtual nesta quarta-feira, Marcus Salum foi questionado sobre a possibilidade de o América fazer alto investimento para se reforçar nesta janela. Ele garantiu que o clube não precisa esperar pelo apoio de algum parceiro para bancar a parte financeira. A preocupação seria encontrar o jogador disponível para suprir a necessidade do time. 

"Nós não precisamos do investidor para trazer o jogador. Nós precisamos é do jogador que a gente acredita que vai fazer isso pra nós. Se ele tiver o nome, pode me dar", declarou o dirigente que trata diretamente do futebol e da futura SAF do Coelho.

Marcus Salum ressaltou que o América se esforçou para investir mais em 2022, já que o clube se classificou para a Libertadores pela primeira vez na história, depois de uma campanha bem acima das expectativas no Brasileiro de 2021, quando terminou em oitavo - melhor posição do Coelho na Série A. E lembrou ainda que as contratações ocorreram sem ajuda financeira de parceiro.

"O América tem um plantel mais caro que no ano passado. Se o América tiver que fazer esforço, mesmo sem investidor, para trazer um jogador, porque ano passado não tínhamos investidor e nós trouxemos, nós vamos trazer", reiterou o dirigente.

Nesta quinta-feira, o América deixa de lado o Campeonato Brasileiro, momentaneamente, para focar na Copa do Brasil. O Coelho recebe o Botafogo, às 19h, no Independência no jogo de ida das oitavas de final. A volta será na próxima semana, no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro. 

Pelo Brasileirão, o América volta a campo neste sábado, quando terá confronto direto diante do Goiás, às 18h, no Independência. Em caso de triunfo, o Coelho deixará a zona de rebaixamento e mandará de volta para o grupo dos quatro últimos o Esmeraldino, que tem dois pontos a mais na classificação. 

Compartilhe