UAI

2

Portas abertas e atraso no futebol: imprensa reage à saída de Cuca do Galo

PVC, Ana Thaís Matos e Ubiratan Leal pontuaram diferentes questões ao analisarem o pedido do treinador

28/12/2021 10:41
compartilhe
Cuca deixa o Atlético com 74,17% de aproveitamento
foto: PEDRO SOUZA/ATLÉTICO

Cuca deixa o Atlético com 74,17% de aproveitamento


O pedido de Cuca para deixar o Atlético nessa segunda-feira gerou diferentes reações na imprensa brasileira. Enquanto uns pontuaram que o técnico deixa o Galo no auge, outros criticaram a falta de sequência nos últimos trabalhos do paranaense.

Veja técnicos sem clube que são opções no mercado




"(Cuca) Sai de cena com possibilidade de retornar quando quiser. Deixou as portas da Cidade do Galo abertas, assim como de qualquer outro clube do país, depois da temporada impecável de 2021", afirmou o comentarista, em seu blog no ge. 

Por outro lado, sua companheira de SporTV, Ana Thaís Matos, criticou a falta de sequência de Cuca no comando de seus últimos clubes. A jornalista publicou o comentário com quatro manchetes sobre o tema em seu perfil no Twitter. 

"China, Palmeiras, Santos e agora Galo. Abandona antes dos estaduais e volta pra competições sérias. Errado não está, a questão pra mim é que ele não desenvolve time nenhum, é um verdadeiro atraso pro futebol: ele e os clubes que alimentam esse ciclo", escreveu Ana.



Ubiratan Leal, da ESPN, seguiu a linha de Ana Thaís Matos e pontuou: não é a primeira vez que Cuca deixa um time após um ano de sucesso. O comentarista ainda brincou e disse que será 'divertido' ver a busca do Galo por um novo técnico. 

"Não é a primeira vez (aliás, LONGE disso) que o Cuca sai depois de uma grande temporada. Que essa escolha seja o melhor para ele. Mas... vai ser divertido ver o Atlético multicampeão indo ao mercado buscar um novo técnico. (SIC)", comentou o jornalista. 
 
Nos últimos quatro clubes que dirigiu no Brasil, entre 2016 e 2021, Cuca deixou o comando técnico por escolha própria, alegando problemas pessoais ou familiares. O treinador teve boas passagens nesse período por Palmeiras, Santos e São Paulo antes de voltar ao Atlético para fazer história. 

Anunciado pelo Galo em março deste ano para suceder o argentino Jorge Sampaoli, o treinador paranaense atingiu ao fim da temporada 74,17% de rendimento. Foram 48 vitórias, 14 empates e apenas 9 derrotas em 71 apresentações. Além da Tríplice Coroa ou Tríplice Alvinegro, o clube foi semifinalista da Libertadores.
 


Compartilhe