UAI

2

'El Turco' Mohamed cumpriu promessa emocionante a filho no Monterrey

Novo treinador do Atlético perdeu o filho Farid em 2006, em um acidente automobilístico, quando o garoto tinha 9 anos

13/01/2022 17:50 / atualizado em 13/01/2022 18:37
compartilhe

Novo treinador do Atlético. 'El Turco' Mohamed passou por uma grande história de superação em sua vida pessoal, após perder o filho de 9 anos em um grave acidente automobilístico
foto: Reprodução

Novo treinador do Atlético. 'El Turco' Mohamed passou por uma grande história de superação em sua vida pessoal, após perder o filho de 9 anos em um grave acidente automobilístico

 

Antonio ‘El Turco’ Mohamed foi oficializado nesta quinta-feira (13) como o novo treinador do Atlético. Apesar de ser desconhecido por muitos brasileiros, o argentino tem longa trajetória no futebol e traz consigo uma grande história de superação pessoal. Em 2006, o técnico perdeu seu filho em um acidente automobilístico. 

 

 

 

Farid tinha nove anos quando Mohamed o levou até a Alemanha para assistir à Copa do Mundo de 2006. Eles estavam no Estádio Olímpico, em Berlim, quando a Argentina foi eliminada nos pênaltis pela seleção anfitriã nas quartas-de-final do torneio. A caminho do aeroporto de Frankfurt, onde embarcariam de volta para seu país natal, o veículo da família foi atingido por um carro em alta velocidade.

 

 

 

A colisão deixou o garoto em estado grave. Ele chegou a ser internado, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. ‘El Turco’ também foi afetado pelo acidente e quase teve que amputar uma das pernas. 

 

Essa parte da vida pessoal do treinador ganhou destaque em 2019, quando ele cumpriu uma antiga promessa que havia feita ao filho, que era torcedor fanático do Monterrey-MEX e sempre sonhou que o pai fosse campeão mexicano pelo clube do coração. Quando Farid  morreu, Mohamed, que é ex-jogador de futebol, já era técnico, mas ainda em início de carreira. 

 

O comandante do Galo treinava o Huracán-ARG quando o acidente ocorreu. Ele teve sua primeira oportunidade como técnico do Monterrey apenas em 2015. Permaneceu no clube até 2018, mas sem conseguiu ganhar o título em sua primeira passagem. A única conquista nessa primeira experiência foi a Copa do México de 2017. 

 

 

Mohamed e seu filho Farid
foto: Reprodução

Mohamed e seu filho Farid

 

Mas o destino reservava mais para o treinador. Em 2019, ele voltou ao Monterrey, desta vez para realizar o sonho de Farid. El Turco assumiu o comando de ‘Los Rayados’ durante a primeira fase do torneio Apertura e classificou a equipe para o mata-mata. Nas fases eliminatórias, deixou para trás Santos Laguna e Necaxa, até chegar à final contra o América.

 

Na decisão do torneio, vitória do Monterrey por 2 a 1 na partida de ida, e vitória do América por 2 a 1 na partida de volta. Nos pênaltis, o time comandado por Mohamed venceu por 4 a 2 e se sagrou campeão mexicano pela quinta vez. Após a última e decisiva cobrança, convertida pelo lateral-esquerdo Leonel Vangioni, o técnico foi às lágrimas no banco de reservas. 

 

A imagem de Antonio chorando pela conquista repercutiu em diversos países. Durante toda a campanha do título foi possível ver na mão do treinador um terço, que é considerado seu amuleto da sorte e um elemento que o liga a Farid. 

 

Imprensa argentina repercute Antonio 'Turco' Mohamed no Atlético

 

 

Ficha técnica de Antonio ‘El Turco' Mohamed:

 

Nome: Ricardo Antonio Mohamed Matijevic

Data de nascimento: 2 de abril de 1970 (51 anos)

Local de nascimento: Buenos Aires, Argentina

Clubes anteriores: Zacatepec-MEX, Morella-MEX, Querétaro-MEX, Chiapas-MEX, Huracán-ARG (quatro passagens), Veracruz-MEX, Colón-ARG, Independiente-ARG, Tijuana-MEX, Club América-MEX, Monterrey (duas passagens) e Celta de Vigo-ESP


Compartilhe