UAI

2

De volta ao Atlético, Hulk fala em 'aprender com erros de 2021 e aprimorar'

Grande nome do futebol brasileiro na temporada passada, atacante vê espaço para evolução em 2022

17/01/2022 16:40 / atualizado em 17/01/2022 18:01
compartilhe
Hulk vê margem para evolução de desempenho no Atlético em 2022
foto: Reprodução/Instagram/Gledson Chaves

Hulk vê margem para evolução de desempenho no Atlético em 2022

 
De volta ao Atlético após um mês de férias, Hulk mostrou-se, novamente, obcecado por vitórias. A caminho da Cidade do Galo, em Vespasiano, para reapresentação com o grupo nesta segunda-feira (17), o atacante mostrou muita humildade ao falar em 'aprender com erros de 2021 e aprimorar'.
 
 
 
Hulk foi o grande destaque do futebol brasileiro na última temporada. Com 36 gols e 13 assistências em 68 jogos, o atleta liderou o Galo rumo à conquista do 'Triplete Alvinegro', com taças do Campeonato Mineiro, do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil. De volta à rotina de treinos, o jogador fala em 'melhorar ainda mais'.
 
"Hoje acabam as férias. Estamos indo pra Cidade do Galo agora, nos apresentar. Aproveitar para agradecer a Deus por 2021, procurar aprender com os erros que aconteceram em 2021. E aprimorar o que foi positivo. Melhorar ainda mais. Pedir proteção para não ter lesão. E fazer o que a gente mais gosta, que é jogar futebol e ser feliz", projetou Hulk nas redes sociais do amigo Gledson Chaves.
 

Veja todas as contratações dos times da Série A para 2022

 
 
Artilheiro do futebol brasileiro em 2021, Hulk viveu intensamente o período de descanso. O atacante do Galo aproveitou o tempo livre com a família, viajou ao exterior, visitou a Paraíba (terra natal) e, ainda assim, publicou vídeos com treinamentos pesados no dia a dia.
 
Destaque do time mais vencedor da história do Atlético, Hulk perdeu um de seus companheiros de ataque. O também experiente Diego Costa, titular na reta final da temporada passada, assinou rescisão contratual com o Galo. Para a vaga, o clube mineiro anunciou a contratação do jovem Fábio Gomes, de 24 anos, que se destacou no futebol dos Estados Unidos.
 


Compartilhe