UAI

2

Antes de estrear pelo Atlético, Godín destaca-se pelo Uruguai; veja números

Defensor participou de dois jogos nos últimos dias pela seleção de seu país

03/02/2022 09:25 / atualizado em 03/02/2022 10:28
compartilhe
Diego Godín mostrou serviço com a camisa celeste
foto: Associação Uruguaia de Futebol / Divulgação

Diego Godín mostrou serviço com a camisa celeste



Antes de fazer seu primeiro jogo pelo Atlético, o zagueiro Diego Godín viajou para defender a Seleção Uruguaia pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. O defensor participou de dois jogos: as vitórias sobre o Paraguai, por 1 a 0, no estádio La Olla, no dia 27 de janeiro, e diante da Venezuela, por 4 a 1, no estádio Centenário, no dia 1º de fevereiro. 

A melhor atuação do zagueiro ocorreu contra o Paraguai, jogo importante para o Uruguai voltar a vencer após quatro duelos de jejum. Aos 14 minutos do primeiro tempo, o defensor do Galo escorou cruzamento de Valverde próximo à marca do pênalti. O goleiro Silva esticou todo e evitou o gol.

Aos 23', por pouco Godín não balança as redes. Ele se movimentou bem na área antes da cobrança de escanteio, correu para o primeiro pau e desviou de cabeça. A bola bateu na trave e não entrou.

Se não saiu o gol de Godín, a assistência foi precisa. Aos 4' do segundo tempo, ele fez ótimo lançamento longo para Suárez nas costas da defesa. O atacante ganhou na velocidade e bateu de esquerda, fazendo o gol da vitória por 1 a 0.

Aparentando cansaço, Godín saiu aos 36 minutos do segundo tempo para a entrada de Cáceres.

Nesta partida, o zagueiro recebeu nota 7,4 do SofaScore, a terceira maior da partida, atrás apenas dos desempenhos de Federico Valverde (7,8) e Suárez (7,6). Godín fez 66,7% de passes certos, quatro cortes e um desarme. Ele venceu cinco de oito duelos aéreos.

Quem rescindiu ou foi emprestado pelo Atlético



Já no confronto contra a Venezuela, Godín não precisou do mesmo protagonismo do duelo passado. O jogo foi muito tranquilo para os donos da casa, que venceram por 4 a 1.

A Venezuela pouco forçou o sistema defensivo uruguaio. Mas o atleta do Galo vacilou aos 24 minutos do segundo tempo, quando tentou recuar, mas deu de presente para Murillo, que ganhou no corpo de Giménez e quase marcou para os visitantes.

Godín jogou os 90 minutos e recebeu nota 6,8 do SofaScore. Ele acertou 67,7% dos passes, mas perdeu a posse de bola dez vezes.

A Seleção Uruguaia está na quarta posição das Eliminatórias Sul-Americanas, com 22 pontos.

Diego Godín pode estrear pelo Atlético no próximo domingo, às 11h, contra o Patrocinense, no Mineirão, pela 4ª rodada do Campeonato Mineiro.


Compartilhe