UAI

2

Alonso endossa coro por Hulk na Seleção: 'Merece essa possibilidade'

Zagueiro do Atlético rasgou elogios ao artilheiro da equipe, mas reconheceu barreiras existentes para jogadores que não atuam na Europa

14/05/2022 06:00
compartilhe
Junior Alonso, do Atlético, concorda com nova chance para o atacante Hulk na Seleção Brasileira
foto: Lucas Figueiredo/CBF

Junior Alonso, do Atlético, concorda com nova chance para o atacante Hulk na Seleção Brasileira


O zagueiro e frequente capitão Junior Alonso, do Atlético, endossou um coro de boa parte da torcida: o pedido por Hulk na Seleção Brasileira. Na avaliação do companheiro de clube, o atacante "merece essa possibilidade".
 
 

Depois de cinco anos sem chances com a Amarelinha, Hulk foi convocado em setembro de 2021 para jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. Em 9 de setembro, ele entrou aos 38 minutos do segundo tempo na vitória por 2 a 0 sobre o Peru, na Arena Pernambuco.

Na ocasião, ele substituiu Gabigol, do Flamengo. Aquela foi a 49ª partida do atacante do Atlético, que já jogou em Copa do Mundo, pela Seleção Brasileira. Embora tenha marcado 11 gols em amistosos ou pela equipe olímpica do Brasil, Hulk não balançou as redes em partidas oficiais.

O desempenho pelo Atlético, no entanto, não deixa dúvidas de que o atacante segue no radar do técnico Tite. Após um 2021 mágico, com artilharias em todas as competições, o atacante segue "voando" em 2022. Já são 15 gols e três assistências em 17 jogos.
 

Estrangeiros com mais de 100 jogos pelo Atlético


Questionado sobre a possibilidade de Hulk voltar a ser convocado por Tite, Junior Alonso não poupou elogios. O defensor atleticano ressalta que o elenco do Galo segue apoiando e incentivando o astro da equipe, mas reconhece o peso do fato de atuar fora da Europa como um dificultador para novas chances.

"Ele é um grande jogador, todo mundo sabe da qualidade dele. Os números falam por si só. Não precisamos falar muito dele, porque já o ano passado fez um grande campeonato, goleador de todas as competições. Esse ano começou muito bem, de novo", avaliou.
 
 

"Sim, sabemos que, mesmo falando de todas as seleções, os que jogam na Europa têm um pouco mais de peso - isso é normal. Aqui no Brasil também. Tem uma grande quantidade de jogadores incríveis. Todos jogando no mais alto nível, então a concorrência é muito difícil. Mas a gente aqui, internamente, sabe que o Hulk merece essa possibilidade. A gente está junto com ele, apoiando e sabendo da qualidade dele", completou Alonso.

A Seleção Brasileira fará amistosos contra Coreia do Sul e Japão em junho. Hulk ficou de fora da lista de convocados. Depois destes jogos, o Brasil terá apenas mais uma Data Fifa antes da Copa do Mundo. Será em setembro, quando o time de Tite deve enfrentar a Argentina (em jogo suspenso das Eliminatórias) e, possivelmente, o México (em novo amistoso).
 

Fotos do Manto da Massa III, do Atlético

 

Compartilhe