UAI

2

Atlético vira sobre Avaí no Mineirão e assume vice-liderança do Brasileiro

Galo foi dominante desde o início, mas um erro de Otávio gerou o gol dos visitantes; na etapa final, Hulk (com um golaço) e Sasha viraram a partida

29/05/2022 20:58 / atualizado em 29/05/2022 22:32
compartilhe
Atlético derrotou o Avaí no Mineirão neste domingo, pelo Brasileiro
foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press

Atlético derrotou o Avaí no Mineirão neste domingo, pelo Brasileiro

O Atlético fez valer o favoritismo contra o Avaí neste domingo (29), pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Insistente de dominante desde o início no Mineirão, o time alvinegro venceu de virada por 2 a 1 e assumiu a vice-liderança.


Em um recuo errado de Otávio, os visitantes abriram o placar com Morato, ainda no primeiro tempo. Na etapa final, Hulk marcou um golaço e Eduardo Sasha garantiu a virada alvinegra.

O goleiro Douglas foi expulso no segundo tempo, e o lateral-direito Kevin assumiu o posto, já que o Avaí não tinha mais substituições. Mas o resultado seguiu o mesmo.

Com a vitória, o Atlético assume a segunda posição, com os mesmos 15 pontos do líder Palmeiras e do terceiro colocado Corinthians. Já o Avaí se mantém com dez pontos, em 12º.

As equipes voltam a campo no próximo fim de semana, pela nona rodada. No sábado, às 19h, o Avaí recebe o São Paulo, na Ressacada. Já o Atlético visita o Palmeiras no Allianz Parque, domingo, às 16h.

Domínio do Atlético, gol do Avaí


Mandante, o Atlético cumpriu o manual à risca. Ou melhor, quase à risca. No primeiro tempo, o time alvinegro teve 69% de posse de bola, finalizou 14 vezes (contra duas do Avaí) e tentou 294 passes (ante 140 do adversário). Mas não conseguiu tirar o zero do placar.

Com mudanças na defesa, no meio e no ataque em relação à derrota por 2 a 1 para o Tolima-COL na última quarta-feira, o Atlético encurralou o Avaí. A posse de bola, porém, gerou poucas oportunidades claras de gol. A mais perigosa foi em cabeceio de Eduardo Sasha na trave, aos 19 minutos.

O Avaí basicamente só se defendia. Mas, na primeira finalização, marcou. Aos 40 minutos, Otávio recuou mal a bola para Everson. Morato se antecipou, deu uma cavadinha para driblar o goleiro e empurrou de canhota para as redes. O golpe preciso de um time que, ao contrário do adversário, soube aproveitar a oportunidade.

Atlético x Avaí: veja fotos da partida pelo Brasileiro



Virada do Atlético


Se a precisão nas finalizações foi das menores no primeiro tempo, logo no início da segunda etapa o artilheiro alvinegro apareceu. Aos sete minutos, Hulk recebeu, girou nas redondezas da área e finalizou colocado no ângulo. Golaço e empate por 1 a 1 no marcador.

A insistência atleticana deu resultado. Após escanteio cobrado, a bola sobrou para Sasha, livre, finalizar com precisão aos 20 minutos. Gol do atacante e virada sobre o Avaí, que afrouxou a marcação na segunda etapa.

Mesmo em vantagem, o Atlético seguiu melhor. Aos 39 minutos, o goleiro Douglas saiu muito mal, fez falta em Ademir e foi expulso. Como o Avaí já tinha parado o jogo em três oportunidades para substituções, era preciso que um jogador de linha fosse para o gol. O lateral-direito Kevin assumiu o posto.

O "goleiro" fez uma defesa em finalização de Rubens de fora da área e levou um gol (invalidado por falta) de cobertura de Hulk. No fim, o placar continuou o mesmo: 2 a 1 para o Atlético, que sobe na tabela.

ATLÉTICO 2 X 1 AVAÍ


Atlético

Everson; Mariano, Réver, Junior Alonso e Rubens (Guilherme Castilho, aos 50' do 2ºT); Otávio, Jair e Nacho Fernández; Ademir (Sávio, aos 46' do 2ºT), Eduardo Sasha (Guga, aos 45' do 2ºT) e Hulk
Técnico: Antonio Turco Mohamed

Avaí

Douglas; Kevin, Bressan (Rodrigo Freitas, aos 35' do 2ºT), Arthur e Cortez; Raniele, Eduardo (Muriqui, aos 29' do 2ºT) e Jean Cléber; Pottker, Morato (Dentinho, aos 18' do 2ºT) e Bissoli
Técnico: Eduardo Barroca

Motivo: oitava rodada do Campeonato Brasileiro
Data e horário: domingo, 29 de maio de 2022, às 19h (de Brasília)
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Hulk, aos 7', e Eduardo Sasha, aos 20' do 2ºT (ATL); Morato, aos 40' do 1ºT (AVA)
Cartões amarelos: Jair, aos 14', e Mariano, aos 24' do 2ºT (ATL); Raniele, aos 45' do 1ºT, e Eduardo, aos 24' do 2ºT (AVA)
Cartão vermelho: Douglas, aos 39' do 2ºT (AVA)

Público: 31.551 torcedores
Renda: R$ 808.381,99

Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: FabrÍcio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Tiago Gomes da Silva (GO)
VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Compartilhe