UAI

2

Próximo adversário do Atlético, Ceará está invicto há mais de um mês

Vozão passou por 'turbulência' recente com mudança inesperada no comando técnico, mas vem de dez jogos sem derrotas; Galo, por sua vez, chega pressionado

14/06/2022 04:30
compartilhe
No dia 8 de junho, Ceará veio ao Independência, em Belo Horizonte, e venceu o América por 2 a 0
foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press

No dia 8 de junho, Ceará veio ao Independência, em Belo Horizonte, e venceu o América por 2 a 0


Próximo adversário do Atlético na Série A do Campeonato Brasileiro, o Ceará está invicto há mais de um mês. Apesar disso, o clube nordestino passou por uma "turbulência" recente e busca manter o bom desempenho sob nova direção técnica.
 
 

O Ceará não sabe o que é derrota desde o dia 7 de maio. Na ocasião, ainda pela 4ª rodada do Brasileirão, o Vozão foi derrotado por 1 a 0 pelo Athletico-PR na Arena da Baixada.

De lá para cá, já são dez jogos de invencibilidade, com cinco vitórias e cinco empates. Destacam-se, neste período, a goleada sobre o General Caballero JLM (Paraguai), por 6 a 0, e o triunfo como visitante sobre o tradicional Independiente (Argentina), por 2 a 0, na fase de grupos da Copa Sul-Americana, além da vitória sobre o Fortaleza, por 1 a 0, no principal clássico cearense, pelo Campeonato Brasileiro.

Os bons resultados têm levado o Ceará a voos altos na temporada. O clube nordestino participará pela primeira vez das oitavas de final de um torneio continental, na Sul-Americana. Na ocasião, enfrentará o The Strongest, da Bolívia.

Classificado também às oitavas de final da Copa do Brasil, o Vozão encontrará o seu maior rival, Fortaleza, na próxima fase do torneio. Após um início oscilante no Brasileirão, o time alvinegro deu passos para reabilitação e ocupa o 12° lugar, com 14 pontos - a três pontos de distância do Atlético, primeira equipe no G6.

"Turbulência" recente no Ceará


Ainda que viva bom momento dentro das quatro linhas, o Ceará teve de lidar com uma perda importante na semana passada. No dia 10 de junho, o clube perdeu o técnico Dorival Júnior para o Flamengo.

Diante da situação, o presidente Robinson de Castro disparou: "Eu só espero que quando demitir um treinador com três meses de trabalho, por não ver um bom resultado, eu não seja criticado".

"O Flamengo não procurou o Ceará, foi direto no Dorival. O Dorival me chamou para uma conversa, disse que tinha sido uma sondagem... Mas acredito que ele estava com a decisão tomada. Não havia muito como tentar convencer ele a ficar. É algo natural", completou o presidente.

No domingo (12), o Vozão anunciou a contratação de Marquinhos Santos para substituir Dorival Júnior. O treinador concretizou a primeira classificação do América à Copa Libertadores, em 2021, mas foi demitido pelo Coelho em abril deste ano diante de um desempenho ruim da equipe.

Pela primeira vez sob o comando de Marquinhos, o Ceará receberá o Atlético nesta quarta-feira (15), às 19h, na Arena Castelão, em Fortaleza. O jogo pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro tem peso fundamental para o Galo e para o técnico "El Turco" Mohamed, que vêm sendo cobrados pela torcida por más atuações.
 

Fotos da Ferrari Portofino, modelo que o atacante Hulk, do Atlético, usou na Cidade do Galo

 

Compartilhe