UAI

2

Atlético negocia com Alan Kardec; Fábio Gomes deve ser emprestado

Atacante de 33 anos está livre no mercado e deve ser anunciado como reforço do Galo; camisa 9 desperta interesse de clubes do exterior

21/06/2022 11:50
compartilhe
Alan Kardec estava no Shenzen FC, da China, onde fez 12 gols em 19 jogos
foto: Reprodução/Instagram

Alan Kardec estava no Shenzen FC, da China, onde fez 12 gols em 19 jogos

O Atlético vem fazendo movimentações para reforçar o elenco para o segundo semestre da temporada 2022. Após anunciar Jemerson e ter acordo fechado com Cristian Pavón, o Galo está próximo de mais uma contratação. O clube alvinegro tem negociação avançada com o atacante Alan Kardec, de 33 anos, sem clube desde a saída do Shenzhen FC, da China.

A informação foi divulgada pelo portal Fala Galo e confirmada pelo Superesportes. A reportagem apurou que o Atlético deseja fechar com Kardec para substituir Fábio Gomes. O atacante tem sondagens de clubes estrangeiros e deve ser emprestado para ganhar mais minutos e experiência.

Alan Kardec está no futebol chinês desde 2016, quando deixou o São Paulo e se transferiu para o Chongqing Dangdai. O atacante ficou cinco temporadas no clube, com 108 jogos e 57 gols marcados - ele é o maior artilheiro da história do clube.

Em 2021, Kardec se transferiu para o Shenzhen FC e marcou 12 gols em 19 partidas. Com a crise financeira no futebol chinês, o jogador acabou deixando a equipe em abril deste ano após problemas com falta de pagamento dos salários.

Alan Kardec foi revelado pelo Vasco em 2007. O jogador de 33 anos também tem passagens por Internacional, Benfica, Santos, Palmeiras e São Paulo.

Fábio Gomes


Fábio Gomes foi comprado pelo Atlético no início deste ano junto ao Oeste. O jogador tem contrato com o Galo até o fim de 2025, mas não se firmou na equipe. Com poucas chances, será emprestado para ganhar minutagem.

O jogador já recebeu sondagens do futebol mexicano e norte-americano. É possível que, nas próximas semanas, o clube alvinegro ceda o atacante por empréstimo.

Ranking das maiores dívidas do futebol brasileiro



Compartilhe