Botafogo

CAMPEONATO BRASILEIRO

Relator de Botafogo x Palmeiras solicita relatório do VAR e julgamento é adiado

STJD não confirmou a nova data, mas a tendência é que ocorra no dia 18

postado em 07/06/2019 19:36 / atualizado em 07/06/2019 19:40

<i>(Foto: Daniela Pinho/STJD)</i>
O relator do processo de impugnação da partida entre Botafogo e Palmeiras, o auditor Decio Neuhaus, solicitou à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) na tarde desta sexta-feira o relatório do VAR (arbitragem de vídeo), com áudio e imagem, referente à atuação do juiz do jogo, realizado no dia 25 de maio e vencido pelo time alviverde por 1 a 0, no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Dessa forma, o julgamento no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) do recurso de impugnação interposto pelo Botafogo no dia 27 de maio, que estava previsto para acontecer na próxima quinta-feira, em São Paulo, foi adiado. O STJD não confirmou a nova data, mas a tendência é a de que o julgamento ocorra no dia 18, uma terça-feira, em Salvador.

"Em face desta decisão e também acolhendo pedidos do impugnante, retiro processo de eventual pauta no dia 13/06/2019. Quando marcado o julgamento, seja intimado para comparecer a arbitragem de campo e do próprio VAR", diz um trecho do despacho feito por Decio Neuhaus e publicado pelo STJD nesta sexta.

O Botafogo acionou o tribunal com pedido para anular o resultado do jogo porque entende que o juiz paranaense Paulo Roberto Alves Junior não poderia ter usado o árbitro de vídeo no lance de pênalti que originou o gol da vitória do Palmeiras.

A queixa do Botafogo não é pela marcação em si, mas por entender que a partida já havia sido reiniciada quando foi interrompida para a revisão da jogada. O procedimento é irregular, segundo a cartilha de VAR escrita pela Fifa. O departamento jurídico do Palmeiras garantiu ter convicção na manutenção dos pontos conquistados no confronto.

A partida foi suspensa pela CBF e até o julgamento do caso os três pontos que o Palmeiras somou dentro de campo não poderão ser contabilizados, pois os mesmos deixaram de ser homologados após o pedido de impugnação por parte do Botafogo. Mesmo assim, o time paulista lidera o torneio com 16 pontos, um a mais que o vice-líder Atlético.

Tags: stjd palmeirassp botafogorj atleticomg seriea brasileiro julgamento