Cruzeiro

CRUZEIRO

Cruzeiro se reapresenta com decisões importantes a tomar; veja quais são

Clube celeste terá intertemporada de até 17 dias na Toca da Raposa II

postado em 12/05/2021 06:00 / atualizado em 11/05/2021 18:47

(Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)
Após dois dias de folga, o elenco do Cruzeiro se reapresenta na manhã desta quarta-feira, na Toca da Raposa II, para iniciar uma intertemporada. Até sábado, serão quatro sessões de treino, todas no período da manhã. 

Eliminado na semifinal do Campeonato Mineiro para o América, o time celeste terá até 17 dias de preparação antes da estreia na Série B do Campeonato Brasileiro. O duelo diante do Confiança, em Sergipe, será realizado em 28 ou 29 de maio - o clube ainda aguarda confirmação da CBF.

Além dos trabalhos em campo, as expectativas estão voltadas para os corredores do departamento de futebol. Isso porque várias decisões precisarão ser tomadas pela diretoria até o início da Segunda Divisão, principal objetivo do Cruzeiro em 2021. São elas, as principais:

Redução do elenco


Hoje com 36 jogadores (veja todos na galeria abaixo), o grupo do Cruzeiro será reduzido para a Série B. Inicialmente, o clube tinha como número ideal 30 atletas no elenco. Como ainda deseja se reforçar, a Raposa precisará abrir mão de algumas peças que ficaram à disposição no Estadual e primeiras fases da Copa do Brasil.

Os casos que deverão ser tratados envolvem os ‘ignorados’ por Conceição durante o Campeonato Mineiro. Não receberam chances o zagueiro Paulo, o volante Lucas Ventura e o atacante Gui Mendes, por exemplo. O atacante Thiago, que enfrenta forte concorrência, também pode sair. 


Futuro dos experientes


Ainda na esteira das saídas, encontram-se os experientes do elenco e que praticamente não jogaram até aqui. São eles o zagueiro Leo, recuperado de lesão, os volantes Henrique e Ariel Cabral, além do atacante Marcelo Moreno. Os quatro têm situações delicadas, uma vez que possuem contratos antigos com remunerações mais altas. 

O primeiro tem tratativas avançadas para deixar o clube, apesar da resistência inicial. Ariel Cabral treina separadamente na Toca à espera de oportunidades para deixar o Cruzeiro. Até aqui, no entanto, não surgiram consultas de outros clubes. Henrique, por sua vez, segue em tratamento de cirurgia realizada no joelho direito em fevereiro.

(Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)

Dentre esses, Marcelo Moreno foi o único que recebeu oportunidades de Conceição. Ele chegou a ser utilizado em cinco jogos nesta temporada. O boliviano, no entanto, não correspondeu. Questionado no último domingo, Felipe Conceição desconversou sobre a permanência do atacante, que tem boa chance de sair.  

Reforços


Por outro lado, o Cruzeiro pretende se reforçar para a Série B. Se boa parte das oito contratações de 2021 ainda não rendeu o esperado - casos especialmente de Matheus Neris, Alan Ruschel, Eduardo Brock e Felipe Augusto -, desta vez o clube tem ainda menos margem para cometer erros às vésperas do início do torneio nacional.

Depois do acerto com o centroavante Guilherme Bissoli, a Raposa deverá buscar reforços para a lateral direita - posição em que tem apenas Cáceres e o jovem Geovane - e para o meio-campo. A chegada de um zagueiro à Toca II também não está descartada.

Tags: Cruzeiro serieb interiormg futnacional