Futebol Nacional

SANTA CRUZ

Santa Cruz possui três jogadores emprestados a clubes envolvidos na finalíssima da Série A2

Enquanto time principal está sem disputar partidas oficiais desde agosto, Weslley, Jeremias e Sillas Gomes decidem taça da Segunda Divisão Estadual

postado em 08/11/2019 19:48 / atualizado em 08/11/2019 20:02

(Foto: Jota Santana/Assessoria)
Desde o dia 24 de agosto, quando foi eliminado da Série C, os jogadores do time principal do Santa Cruz não disputam partidas oficiais. Neste período, vários atletas deixaram a equipe coral, outros tantos participaram da disputa da Copa Pernambuco, mas apenas três deles continuaram com compromissos em partidas oficiais, porém, sem vestirem as cores do Tricolor do Arruda. 

Pela Série A2 do Campeonato Estadual, o lateral esquerdo Weslley Alcântara (Decisão Bonito), o meia Jeremias e o atacante Sillas Gomes (Retrô Brasil) conseguiram o acesso para a elite do futebol pernambucano e disputarão a final do campeonato no sábado, na Arena de Pernambuco, às 19h. 

Os três atletas não tiveram grandes oportunidades com a camisa coral neste ano. Sendo que o defensor nem chegou a entrar em campo pelo Santa Cruz em 2019. Weslley foi emprestado ao América-PE para a disputa do Campeonato Pernambucano e da Série D. Após a eliminação da equipe no nacional, o lateral foi novamente emprestado, dessa vez ao Decisão Bonito, onde foi titular em boa parte da campanha, fazendo 13 jogos na Segunda Divisão Estadual. 

A situação de Jeremias e Sillas Gomes é diferente. Ambos tiveram chances de jogar no time principal do Tricolor do Arruda em 2019, mas não empolgaram e acabaram perdendo espaço. Somados os jogadores fizeram 10 jogos pela equipe coral (sete de Sillas e três de Jeremias), por isso acabaram disponibilizados para a disputa do Campeonato Brasileiro de Aspirantes, onde apenas o atacante teve espaço. Enquanto o meia atuou apenas em um confronto, o ponta foi utilizado em oito oportunidades. 

Por isso, para ganhar rodagem ao fim do Campeonato Brasileiro de Aspirantes, os dois foram emprestados ao Retrô Brasil, para a disputar a Série A2, onde foram protagonistas da equipe, que chegou também à finalíssima. Jeremias teve menor minutagem, sendo acionados apenas em oito partidas, enquanto jogou 11 vezes e marcou dois gols, um na primeira fase e outro no hexagonal válido pela segunda fase.