Vôlei

SUPERLIGA MASCULINA

Minas leva susto, mas bate lanterna São Judas e mantém embalo na Superliga

Mineiros têm dificuldade, mas vencem por 3 sets a 1 em casa

postado em 29/01/2019 19:57

Orlando Bento/Minas
Depois do vice-campeonato da Copa Brasil de Vôlei, ao perder para o Cruzeiro na final em Lages, interior catarinense, o Minas voltou as atenções para a Superliga e reencontrou a torcida com vitória. Mesmo com direito a susto, o time minas-tenista bateu o lanterna São Judas por 3 sets a 1, nesta terça-feira, na Arena Minas Tênis.

As parciais foram de 25/21, 25/17, 22/25 e 29/27. Com a vitória, a 14ª na Superliga, o Minas chegou a 23 pontos e permaneceu na disputa pelo G-4. O time mineiro levou susto no terceiro set, quando permitiu que o São Judas reagisse. E mesmo no último, fechou com muita dificuldade, em 29/27. O time paulista ocupa a última posição, com apenas quatro pontos - venceu uma vez em 14 partidas.

Preocupado com o desgaste pela viagem a Santa Catarina na disputa da fase decisiva da Copa Brasil, o técnico Nery Tombeiro escalou o Minas com uma formação mista. Só Felipe Roque e Honorato, ambos titulares, começaram a partida. Diante das dificuldades, o treinador utilizou o restante do grupo para não dar brecha e correr risco de tropeço em casa na Superliga. O oposto Davy, da equipe mineira, foi o principal pontuador (20 acertos) e recebeu o Troféu Viva Vôlei como melhor do jogo. 

Na próxima rodada, a quarta do returno, o Minas receberá o Vôlei Um Itapetininga neste sábado, às 16h, na Arena Minas Tênis. O São Judas terá pela frente o Taubaté, no mesmo dia, às 11h, no Ginásio Cidade de São Bernardo, em São Bernardo do Campo. 

Orlando Bento/Minas


Tags: São Judas lanterna minas superliga