Vôlei
1

SUPERLIGA MASCULINA

América busca virada diante do Taubaté e força terceiro jogo na Superliga

Coelho sai em desvantagem de 2 a 0, mas reage e vence no tie-break

postado em 18/03/2021 19:08 / atualizado em 18/03/2021 20:14

(Foto: Gian Marlon/Divulgação)

Uma virada heroica do 'Davi' sobre o 'Golias'. Assim pode ser definido o triunfo sensacional do América diante do favorito Taubaté, por 3 sets a 2, nesta quinta-feira, no Ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros, no segundo confronto das quartas de final da Superliga Masculina. O time paulista abriu 2 a 0, mas os mineiros buscaram uma reação que parecia impossível e ganharam no tie-break. As parciais foram de 23/25, 23/25, 25/21, 25/21 e 15/13.

Com a vitória em Montes Claros, o América forçou a realização de um terceiro e decisivo jogo contra o Taubaté. A partida número três seria na segunda-feira, dia 22, às 16h30, no Ginásio do Abaeté, em Taubaté, mas o governo paulista suspendeu os eventos esportivos por causa da pandemia. Com isso, a CBV terá que remarcar o jogo em novo local. 

Com a determinação do governo de Minas de paralisar os eventos esportivos a partir da próxima segunda-feira, a partida também não poderá ser disputada no Ginásio Tancredo Neves. A definição do local e uma possível nova data sairão nesta sexta-feira. O classificado da série enfrentará nas semifinais o Campinas, que eliminou o Uberlândia com duas vitórias. Do outro lado da chave, Minas e Itapetininga vão se encarar pela vaga na decisão.

Dono da segunda melhor campanha na fase de classificação, o Taubaté venceu o primeiro jogo, em casa, por 3 a 0. O América, que avançou em sétimo lugar, precisava dar o troco no Ginásio Tancredo Neves, mas começou mal e perdeu os dois sets iniciais. Mas o Coelho se superou, virou o placar de forma heroica e deixou a 'zebra' passear em Montes Claros. 

O oposto Lucas Borges, do América, foi eleito o melhor em quadra após votação pela internet. Ele ainda dividiu com o ponteiro Douglas Souza, do Taubaté, o posto de principal pontuador. Cada um assinalou 20 pontos. O jogador do Coelho destacou o brio da equipe na vitória dramática e com muita superação. 

“Foi muito bom conseguir reverter o placar jogando em casa. Fomos jogando cada ponto. Todos estavam muito empenhados. Acreditamos muito no nosso time e não nos entregamos. Este resultado, do jeito que conquistamos, nos deixa confiantes para o terceiro jogo”, declarou o oposto, ganhador do Troféu VivaVôlei. 




Tags: quartas de final montes claros coelho taubaté americamg tie-break superliga masculina