Cruzeiro

Goleada foi a terceira maior do Cruzeiro em Libertadores e a mais expressiva

Clube celeste massacrou o time mais badalado da Argentina por 5 a 0

postado em 17/02/2011 00:20 / atualizado em 17/02/2011 00:29

Jorge Gontijo/EM/D.A Press

A goleada do Cruzeiro por 5 a 0 sobre o Estudiantes, nesta quarta-feira, na Arena do Jacaré, foi a terceira maior do clube na história da Copa Libertadores da América. Mesmo que não tenha sido o resultado mais amplo do time estrelado na competição continental, certamente foi o mais expressivo, já que os demais foram aplicados em clubes de menor expressão.

Os 5 a 0 desta quarta-feira foram em cima do atual campeão argentino e um dos clubes mais badalados da América. Em outras duas ocasiões, o Cruzeiro aplicou o mesmo placar na Libertadores: em 2001, contra o Sporting Cristal, e em 2004, contra o Concepción.

A maior goleada do Cruzeiro na história da maior competição do continente foi sobre o Real Potosí, da Bolívia, no ano passado, por 7 a 0. O segundo placar mais elástico ocorreu contra o Alianza Lima, do Peru, em 1976, por 7 a 1. Na ocasião, os jogadores dedicaram o triunfo ao ex-companheiro Roberto Batata, que atuava com a camisa 7 e faleceu dias antes, em um acidente automobilístico.

Maiores goleadas do Cruzeiro na Libertadores:

2010 – Cruzeiro 7 x 0 Real Potosí-BOL – Mineirão
1976 – Cruzeiro 7 x 1 Alianza-PER – Mineirão
2011 – Cruzeiro 5 x 0 Estudiantes-ARG – Arena do Jacaré
2004 – Cruzeiro 5 x 0 Concepción-CHI – Mineirão
2001 – Cruzeiro 5 x 0 Sporting Cristal-PER – Mineirão
1977 – Portuguesa-VEN 0 x 4 Cruzeiro – Acarígua, Venezuela
1976 – Alianza-PER 0 x 4 Cruzeiro – Lima, Peru
1967 – Cruzeiro 4 x 0 Deportivo Itália-VEN – Mineirão

Tags: