Esporte na TV

ESPORTE NA TV

Nicola diz que Atlético cria crises: 'É líder e tem uma confusão atrás da outra'

Comentarista da ESPN se referiu ao episódio em que integrantes da maior torcida organizada do clube foi à balada cobrar Dylan Borrero e Marrony

postado em 30/11/2020 14:34 / atualizado em 30/11/2020 14:40

(Foto: Reprodução/ESPN Brasil)
Comentarista da ESPN Brasil, Jorge Nicola analisou polêmicas recentes que agitaram os bastidores do Atlético. O jornalista classificou como ‘maluquice’ os tantos problemas internos e externos em uma equipe que lidera o Campeonato Brasileiro.

“A maluquice é que o Atlético é líder do campeonato e é uma confusão atrás da outra. Esse é o ponto. O Atlético é o líder do campeonato e é um problema atrás do outro”, iniciou, durante o programa BB Debate desta segunda-feira.


O jornalista, então, citou a festa organizada recentemente pelo gerente de futebol Gabriel Andreata, que contou com a presença do técnico Jorge Sampaoli. Entre um e outro caso, o clube registrou aumento expressivo nos casos de COVID-19.

“Alguns dias atrás, a questão do Sampaoli e do Andreata. O Sampaoli escolhendo o gerente de futebol dele, e o Andreata faz uma festa para comemorar o aniversário. Uma festa repleta de convidadas. A partir daí surge o surto na comissão técnica, que se espalha ao elenco”, disse Nicola.

Não há nenhuma comprovação sobre a origem do surto de coronavírus na Cidade do Galo. O clube confirmou publicamente 33 casos da doença desde o início da pandemia. Veja na galeria a seguir (se não aparecer para você, clique aqui para acessá-la!):


“Aí o Atlético faz dois jogos... O Atlético nunca joga no meio de semana, aí vai jogar no meio de semana justamente nesse período do surto. Aí perde do Athletico-PR e empata com o Ceará, desperdiça cinco pontos. Era para o Atlético estar vivendo uma tranquilidade, mas os caras não conseguem. Eles criam crises internas”, prosseguiu Nicola.

Cobrança


De acordo com o jornalista, caberá aos dirigentes do Atlético o papel de acalmar os ânimos e solucionar o caso. Nesta segunda-feira, imagens do atacante Eduardo Vargas e do volante Allan em um restaurante também passaram a ser compartilhadas.

“Vai caber ao Alexandre Mattos e ao Sérgio Sette Câmara tentar dar uma abafada nessa repercussão externa, mas internamente colocar rédea, colocar disciplina. Falar: ‘Pessoal, sei que o exemplo do Sampaoli e ele tomou uma multa. O Marrony e o Borrero também vão tomar multa. E, a partir de agora, quem descumprir vai tomar uma multa mais pesada ainda, porque vocês já estão sabendo’”, finalizou Nicola.

Tags: galo brasileiro atleticomg interiormg futnacional espn nicola seriea