UAI

2

Zárate rescinde com Juventude, e Alencar diz: 'Portas abertas no América'

Atacante de 34 anos passou menos de um mês no clube gaúcho e rescindiu por questão pessoal; presidente do Coelho rasga elogios ao atleta

11/03/2022 11:34 / atualizado em 11/03/2022 14:25
compartilhe
Zárate deixou o Juventude após apenas três jogos e um gol
foto: Fernando Alves/Juventude

Zárate deixou o Juventude após apenas três jogos e um gol


Na noite desta quinta-feira (10), uma notícia vinda da Argentina surpreendeu a todos: 30 dias após o anúncio oficial da contratação, o atacante argentino Mauro Zárate rescindiu vínculo com o Juventude. Em contato com o Superesportes, Alencar da Silveira Jr., presidente do Coelho, foi enfático: 'Ele tem portas abertas no América'.


Ao Superesportes, Alencar garantiu que o América ainda não procurou Zárate após a rescisão. Ainda assim, avaliou o atleta como um 'profissional exemplar' e abriu portas para um possível retorno.

O Coelho anunciou a contratação do atacante em 30 de agosto de 2021, como peça-chave do projeto que visava manter a equipe na Série A do Campeonato Brasileiro. Zárate começou muito bem e empilhou boas atuações, contribuindo para uma sequência invicta do América na competição, mas caiu de rendimento.

Independentemente da queda de produtividade de Zárate, o clube mineiro seguiu em alta e terminou o Brasileirão na oitava colocação, conquistando vaga inédita na Copa Libertadores da América. Desde então, iniciaram-se as conversas para renovação do contrato do argentino, mas não houve acordo. No início de fevereiro, as tratativas se encerraram e, poucos dias depois, o atleta foi anunciado pelo Juventude.

Em coluna exclusiva para o Superesportes, o jornalista Jorge Nicola garante que Zárate ainda não é página virada para Marcus Salum, coordenador de futebol do América. O dirigente tem grande apreço pelo futebol do argentino e foi quem esteve à frente de todas as negociações com o jogador.

Após 16 jogos, um gol e duas assistências pelo Coelho, Zárate volta a ser assunto no futebol mineiro. Com, no mínimo, mais sete compromissos internacionais em 2022, o América trabalha com a ideia de fortalecer o elenco com nomes de peso para a sequência da temporada.

Compartilhe