UAI

2

Destaque do Atlético, Hulk é finalista do prêmio Rei da América

Atacante do Galo disputa o troféu com Álvarez, do River Plate, Gómez, do Palmeiras, e Gabigol, do Flamengo

27/12/2021 13:41 / atualizado em 27/12/2021 13:48
compartilhe
Hulk foi o vice-artilheiro da Libertadores
foto: PEDRO SOUZA/ATLÉTICO

Hulk foi o vice-artilheiro da Libertadores

Antes entre os 10 melhores, o atacante Hulk agora é um dos quatro finalistas do prêmio Rei da América, concedido pelo jornal El País, do Uruguai. Concorrem com o jogador do Atlético o zagueiro paraguaio Gustavo Gómez, do Palmeiras, o meia argentino Julián Álvarez, do River Plate, e o atacante Gabigol, do Flamengo.



O site divulgou, nesta segunda-feira, que os outros seis atletas da lista prévia não têm mais chance de conquistar o prêmio: Artur (RB Bragantino), Nacho Fernández (Atlético), David Terans (Peñarol/Athletico-PR), Nikão (Athletico-PR), Rony (Palmeiras) e Weverton (Palmeiras).

Hulk foi o grande destaque do Galo na campanha semifinalista do clube. Eliminado pelo campeão Palmeiras, o alvinegro deixou o torneio de forma invicta. 

O atacante terminou a competição como vice-artilheiro, com sete gols em 12 jogos. O vice-campeão Gabigol marcou 11 em 13 partidas. 

O prêmio está em sua 36ª edição e tem a participação de jornalistas da América do Sul. A votação se encerra nesta segunda-feira. O último vencedor foi o atacante Marinho, do Santos, vice-campeão da Libertadores em 2020.

Além do destaque individual, o El País também fará a seleção ideal da América de 2021 e premiará o melhor treinador da temporada. 

Atletas do Galo, o zagueiro Junior Alonso, o lateral-esquerdo Guilherme Arana e  os meio-campistas Zaracho e Nacho Fernández concorrem em suas respectivas posições. Cuca também pode ser eleito o melhor técnico do continente. 
 

Jogadores do Atlético com contratos que se encerram em 2022

 

Veja, abaixo, os concorrentes de cada posição:


Goleiros: Santos (Athletico-PR), Diego Alves (Flamengo), Alexandre Domínguez (Cerro Largo), Weverton (Palmeiras) e Sergio Rochet (Nacional);

Zagueiros: Alexander Barboza (Libertad), Carlos Izquierdoz (Boca Juniors), Thiago Heleno (Athletico-PR), David Luiz (Flamengo), Junior Alonso (Atlético), Léo Ortiz (RB Bragantino), Rodrigo Caio (Flamengo), Gustavo Gómez (Palmeiras), Piero Hincapié (Talleres) e Bruno Méndez (Internacional);

Laterais: José Pedro Fuenzalida (Universidad Católica), Luis Advíncula (Boca Juniors), Isla (Flamengo), Marcos Rocha (Palmeiras), Giovanni González (Peñarol), Filipe Luis (Flamengo), Milton Casco (River Plate), Piquerez (Peñarol/Palmeiras), Frank Fabra (Boca Juniors) e Guilherme Arana (Atlético);

Meio-campistas: Walter Gargano (Peñarol), Enzo Pérez (River Plate), Nacho Fernández (Atlético), Willian Arão (Flamengo), Abner (Athletico-PR), Gerson (Flamengo), Gustavo Scarpa (Palmeiras), Fernando Gorriarán (Santos Laguna), Agustín Almendra (Boca Juniors), Bruno Piñatares (Barcelona SC), David Terans (Peñarol/Athletico-PR), Giorgian de Arrascaeta (Flamengo), Diego Valoyes (Talleres), Angel Mena (León), Bruno Henrique (Flamengo), Thiago Almada (Vélez Sarsfield), Damian Diaz (Barcelona SC), Raphael Veiga (Palmeiras), Matías Zaracho (Atlético) e Everton Ribeiro (Flamengo);

Atacantes: Valentín Castellanos (New York City), Fernando Zampedri (Universidad Católica), Gabigol (Flamengo), Nikão (Athletico-PR), Hulk (Atlético), Julio Furch (Atlas), Julián Álvarez (River Plate), Artur (RB Bragantino), Rony (Palmeiras) e Agustín Álvarez Martínez (Peñarol).


Compartilhe