UAI

2

Turco assume responsabilidade por derrota do Atlético: 'Noite muito ruim'

Treinador argentino reconheceu má atuação do Galo na derrota por 5 a 3 para o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro: 'Não saiu nada defensivamente'

09/06/2022 00:55 / atualizado em 09/06/2022 01:15
compartilhe
Em entrevista,
foto: Reprodução/TV Galo

Em entrevista, "El Turco" reconheceu desempenho ruim do Atlético na derrota para o Fluminense


O técnico "El Turco" Mohamed assumiu a responsabilidade pela derrota do Atlético, por 5 a 3, para o Fluminense, nesta quarta-feira (8), no Maracanã. O treinador avaliou a atuação como uma "noite muito ruim" do Galo em entrevista coletiva após a partida.
 
 

Em noite de muitos erros defensivos e apagões, o Atlético foi derrotado pelo Fluminense e perdeu a chance de se tornar líder da Série A do Campeonato Brasileiro na 10ª rodada. Turco disse ter dificuldades de explicar o motivo de uma atuação tão abaixo da crítica e analisou: "Não saiu nada defensivamente".

"Muito difícil explicar - mais ainda quando conseguimos o 3 a 3 e depois voltamos a sofrer dois gols. A verdade é que foi uma noite muito ruim da equipe. Sou o responsável. Tentamos pressionar alto no primeiro tempo, não saiu bem. E no segundo tempo, em algumas situações, conseguimos pressionar e em outras não. Hoje não saiu nada defensivamente - nem quando estávamos fechados e nem quando saímos a pressionar. Uma noite para esquecer. E queremos tomar uma reviravolta no sábado", analisou.

"Domingo fizemos um jogo perfeito defensivamente e hoje foi um jogo muito ruim. Há dias que as coisas saem mal. Isso é o futebol. Não pode passar a nós, como equipe, jogar uma partida tão ruim. (...) Não passou nada (sobre a confusão ao fim do primeiro tempo). O que aconteceu no campo fica lá. Falarei da partida: Fluminense foi superior, venceu. E nada mais", completou.
 


O treinador do Atlético admitiu preocupação com a atuação no Rio de Janeiro. Em sua visão, a equipe "nunca mostrou essa cara". Ele espera que o Galo retome sua identidade contra o Santos.

"O que me preocupa é a atuação de hoje. Sim, preocupa, porque a equipe nunca mostrou essa cara. Então, esperamos corrigir todos os erros e, no sábado, voltar a nossa identidade. É o que temos que fazer: recuperar a identidade. Jogar como equipe, equipe grande, e não tomar gols", projetou.
 

Fluminense x Atlético: as fotos dos gols do Galo

 

O Atlético volta a campo no próximo sábado (11), às 19h, para medir forças com o Santos, pela 11ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. A partida será realizada no Mineirão, em Belo Horizonte.

Compartilhe