UAI

2

Bahia tropeça contra Chapecoense e beneficia o líder Cruzeiro na Série B

Tricolor perde para Chape na Arena Fonte Nova e desperdiça chance de se aproximar da Raposa. Visitantes deixam a zona de rebaixamento

14/06/2022 21:07 / atualizado em 14/06/2022 21:34
compartilhe
Chrystian balançou as redes na Arena Fonte Nova no triunfo da Chapecoense
foto: Tiago Meneghini/ACF

Chrystian balançou as redes na Arena Fonte Nova no triunfo da Chapecoense


Nesta terça-feira, a Chapecoense venceu o Bahia por 1 a 0, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 13ª rodada da Série B do Brasileirão. O único gol da partida foi marcado por Chrystian. O resultado beneficiou o Cruzeiro, que manteve boa vantagem sobre o tricolor na liderança.



Com o resultado, a equipe Tricolor desperdiçou a chance de colar no líder Cruzeiro e fica na vice-liderança com 25 pontos, três atrás do clube celeste. Já a Chapecoense fica na 11ª posição, com 15 pontos, e se livra da zona de rebaixamento.

Na próxima rodada, a Chapecoense recebeu o CRB, às 19h (de Brasília), na Arena Condá. Já o Bahia recebe o Novorizontino, no sábado, às 16h.

O JOGO


Logo no início, a Chape saiu na frente. Tiago Real recebeu pela direita, cruzou na área e encontrou Chrystian, que chegou livre para cabecear e abrir o marcador. Minutos depois, a equipe alviverde ficou desfalcada devido a expulsão de Perotti.

Aos 34, Rodallega recebeu bom passe na pequena área, mas a defesa da Chapecoense estava atenta e cortou antes da finalização. Em seguida, o atacante teve uma boa oportunidade de cabeça e mandou na trave de Vagner. Djalma tentou no rebote e mandou para fora.

O início do segundo tempo teve um pouco mais de intensidade. O Bahia quase deixou tudo igual Em cabeceio de Rezende e chute de Vitor Jacaré, em lances seguidos. Aos 16, novamente Jacaré recebeu na frente e partiu sozinho na área, mas foi derrubado pelo goleiro alviverde. No entanto, o jogador estava em posição de impedimento.

Minutos depois, o Bahia perdeu Patrick, que foi expulso depois de levar o segundo cartão amarelo. Aos 38, o Bahia ainda buscava a igualdade e Rildo criou boa chance, mas viu Vagner defender sua finalização. Apesar das tentativas, o Tricolor não conseguiu reverter o placar e sofreu a primeira derrota em casa na competição.


Compartilhe