UAI

2

Corinthians vence Juventude e recupera liderança do Brasileiro

Com o resultado, o time recuperou, ainda que momentaneamente, a liderança da competição, com 21 pontos

11/06/2022 18:48
compartilhe
Adson abriu o placar para o Corinthians contra o Juventude
foto: Corinthians/divulgação

Adson abriu o placar para o Corinthians contra o Juventude



O Corinthians ergueu a cabeça após a derrota para o Cuiabá, durante a semana, e venceu o Juventude na Neo Química Arena na noite deste sábado, por 2 a 0, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time recuperou, ainda que momentaneamente, a liderança da competição, com 21 pontos.
O rival Palmeiras entra em campo neste domingo, contra o Coritiba, no Couto Pereira, às 18h (de Brasília), e, se vencer, volta à primeira colocação. Já o Juventude permaneceu na penúltima posição, com dez pontos.

Os donos da casa iniciaram em ritmo intenso e, com apenas dois minutos, Adson marcou após cruzamento de Rafael Ramos. A partida seguiu assim, com tabelas rápidas e outras chances criadas, mas o placar não foi alterado. No segundo tempo, após boa jogada de Du Queiroz, Mantuan fechou o marcador já aos 38 minutos.

Agora, o Corinthians volta suas atenções para seu próximo compromisso, na quarta-feira, a partir das 21h30 (de Brasília), diante do Athletico-PR, na Arena da Baixada. Já o Juventude recebe o Santos um dia antes, no mesmo horário, pela 12ª rodada.

O jogo - O placar marcava apenas dois minutos quando a bola chegou em Rafael Ramos pela direita após tabela entre Adson e Giuliano. O lateral cruzou rasteiro para a área e encontrou o próprio camisa 28, que apenas empurrou para o fundo das redes. Pouco depois, em bola aberta pela esquerda, Willian cortou para o meio e chutou, mas foi para fora.

Aos sete minutos, Fábio Santos cometeu falta perigosa em Pitta pelo lado. Na cobrança, a defesa ficou com a bola. O Alvinegro seguiu em cima do Juventude, sem deixar o visitante iniciar nenhuma jogada de ataque, além de trocar muitos passes rápidos no último terço do campo, em tabelas ágeis - como foi com o próprio gol.

O próximo lance, de fato, perigoso aconteceu aos 31 minutos, quando Willian percorreu pela lateral e cruzou para a área, mas a zaga adversária afastou. Na sequência, Adson quase ampliou em chute colocado no canto superior de César, mas a bola foi desviada.

Aos 40 minutos, belo lance entre Willian e Renato. O camisa 10 achou Giuliano, que o devolveu a bola, mas ele não conseguiu chegar. Quase na sequência, em saída errada de bola do Juventude, Fábio Santos encontrou Giuliano, mas o chute fora para fora. Já no finalzinho, Cássio caiu no meio do gol para pegar uma cabeçada de Chico.

Enquanto o Juventude voltou com três alterações, um pouco mais ligado no jogo, o Alvinegro seguiu da mesma forma. Aos seis minutos, Renato chutou forte e, após rebote do goleiro, Róger Guedes chutou, mas o impedimento foi marcado.Depois de um contra-ataque adversário, defendido com tranquilidade por Cássio, Willian partiu para o ataque, mas foi parado - Vitor Mendes foi amarelado por isso.

Aos 18 minutos, após roubada de bola de Fábio Santos na defesa e tabela entre ele e mais dois jogadores, Willian partiu pela esquerda e chutou do lado esquerdo de César, para fora. Pouco depois, Róger Guedes recebeu pela direita, caminhou com a bola e, sem ninguém ao lado, tentou estufar as redes, mas a bola foi cruzada para fora.

Vítor Pereira, então, colocou Cantillo e Mantuan nos lugares de Renato e Adson. O Timão seguia com a bola, um pouco menos agressivo, buscando o segundo gol mais individualmente ou lançando a bola para Guedes e Willian. O camisa 9 acabou substituído, assim como Giuliano, para as entradas de Lucas Piton e Roni perto dos 35 minutos de jogo.

Atuando mais à frente de Rafael Ramos pela direita, Mantuan recebeu após bela jogada de Du Queiroz e chutou devagarzinho no canto da rede, para fechar o marcador e levar a Fiel à loucura. Já perto do fim, Willian foi substituído, tendo jogado quase os 90 minutos, para muitos aplausos dos torcedores - o Juventude ainda fez um gol nos acréscimos, mas o impedimento foi marcado.

CORINTHIANS 2 X 0 JUVENTUDE


Corinthians

Cássio; Rafael Ramos, Gil, Raul Gustavo e Fábio Santos; Du Queiroz, Giuliano (Roni) e Renato Augusto (Cantillo); Adson (Mantuan), Willian (Felipe) e Róger Guedes (Lucas Piton). Técnico: Vítor Pereira.

Juventude

César; Paulo Henrique (Rodrigo Soares), Vitor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Jean Irmer (Moraes Jr.), Jadson, Yuri Lima; Chico (Bruninho), Marlon (Vitor Gabriel) e Pitta (Óscar Ruiz). Técnico: Eduardo Baptista.

Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)
Data: 11 de junho de 2022 (sábado)
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)
Auxiliares: Kleber Lucio Gil (FIFA-SC) e Henrique Neu Ribeiro (SC)
VAR: Rodrigo Nunes de Sa (FIFA-RJ)
Cartões amarelos: Jean Irmer, Vitor Mendes, Vitor Gabriel e Yuri (Juventude); Giuliano (Corinthians)
GOLS: Corinthians: Adson, aos dois minutos do primeiro tempo; Mantuan, aos 38 do segundo tempo.
Público total: 34.850 torcedores // Público pagante: 34.617 torcedores
Renda: R$ 2.197.465,00

Compartilhe