Cruzeiro

SÉRIE A

Vanderlei Luxemburgo revela pedido de 'bicho dobrado' por vitória sobre o Cruzeiro

Técnico valorizou esforço do Vasco em conquistar triunfo em casa

postado em 02/12/2019 22:57 / atualizado em 03/12/2019 01:35

(Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)
Depois da vitória diante do Cruzeiro, por 1 a 0, nesta segunda-feira, em São Januário, o técnico Vanderlei Luxemburgo exaltou os jogadores vascaínos pelo resultado. Além de ter assegurado a equipe carioca na Primeira Divisão e perto de vaga na Copa Sul-Americana, com 47 pontos e na 12ª posição, o resultado positivo deixou os mineiros em situação desesperadora, próximos da temida queda para Série B. 

Na coletiva pós-jogo, Luxemburgo descartou a possibilidade de o Vasco ter recebido oferta de 'mala branca' para vencer o Cruzeiro. O treinador disse que os jogadores mereciam 'bicho dobrado' pelo resultado que selou a manutenção do clube na Série A. "Eu pedi ao presidente que desse bicho dobrado. Porque consolidamos nossa posição de classificação na primeira divisão. E estamos na zona da Sul-Americana, que ninguém imaginava", destacou.



"Aqui no Vasco não tem mala branca. Nos clubes que trabalhei nunca teve mala branca. Não permito. Se estou dando alguém para ganhar, eu esqueci de fazer algo para os meus jogadores", acrescentou o treinador, condenando qualquer tipo de incentivo financeiro de outras equipes concorrentes na luta para escapar do rebaixamento.

Campeão brasileiro, da Copa do Brasil e do Mineiro em 2003, na chamada 'tríplice coroa', Vanderlei Luxemburgo deixou o Cruzeiro no começo de 2004. Na ocasião, o treinador foi demitido pelo então presidente Alvimar Perrella, que comandava o clube celeste ao lado do irmão, Zezé, atual gestor de futebol e presidente do conselho deliberativo. Um atrito entre técnico e a diretoria causou o rompimento e 'azedou' as relações entre o comandante e os dois cartolas.  

Tags: técnico Vasco cruzeiroec Vanderlei Luxemburgo seriea bicho dobrado