Cruzeiro

SÓCIO DO FUTEBOL

Com sócio, Cruzeiro ameniza problema de filas e cambistas, mas tem 'renda fictícia'

Respaldado por regulamento da CBF, clube coloca no borderô o valor de R$ 25 para cada sócio presente no Mineirão, mesmo quando associado paga R$ 84 no ingresso

postado em 18/03/2014 08:00 / atualizado em 23/12/2014 12:47

Gilmar Laignier /Superesportes

Rodrigo Clemente/EM/D.A Press

Na última semana, o Superesportes mostrou que o perfil da torcida do Cruzeiro em 2014 mudou. Na primeira fase do Campeonato Mineiro, 77% do público pagante da Raposa foi composto por sócios do futebol, de acordo com os borderôs das partidas. Na Libertadores, a presença dos associados tem sido ainda mais expressiva em relação aos “torcedores comuns”.

Prova disso é a venda de ingressos para a partida entre Cruzeiro e Defensor, nesta quinta-feira, às 22h. Segundo o clube, cerca de 31 mil cruzeirenses já têm lugar garantido no Mineirão para o duelo. Desses, somente 1.795 compraram ingressos nas bilheterias até a tarde dessa segunda-feira.

Para o diretor de marketing Marcone Barbosa, essa mudança de perfil do frequentador do Mineirão permitiu ao Cruzeiro um sonho antigo: vender ingressos para jogos de grande porte sem que o torcedor sofra com filas e confusões.

“É uma tendência. O Cruzeiro quer realmente minimizar o número de ingressos vendidos nas bilheterias e garantir uma forma mais ordeira de conseguir os bilhetes, sem tratar o torcedor de forma desumana, como acontecia antigamente, não por causa do clube, mas pela quantidade de pessoas que se aglomeravam nas filas. Hoje, a fila é virtual”, explicou Marcone.

“Nós já temos mais de 31 mil torcedores com seu lugar assegurado no Mineirão para o jogo de quinta-feira, e não tivemos nem um registro sequer de problemas com filas ou cambistas. Foram pouco mais de 1.700 vendidos nas bilheterias, sem transtornos”, completou.

Marcone explica que, a longo prazo, a intenção do Cruzeiro é vender ingressos somente pela internet, para sócios. Porém, enquanto houver a demanda de comercialização física, o clube seguirá vendendo nas bilheterias também.

“O Cruzeiro assumiu a venda dos ingressos e toda a responsabilidade de confecção dos mesmos, de logística, tudo que gira em torno de venda. Hoje, a procura na bilheteria é pequena em relação à internet, e a intenção é não vender mais ingressos fisicamente, no futuro. Mas, enquanto os bilhetes não se esgotarem pela internet, faremos também a venda nas bilheterias”.

Renda fictícia

O fato de a maioria do estádio ser composta por sócios acaba gerando um fato inusitado e pouco transparente para o torcedor. O Cruzeiro se baseia no Regulamento Geral das Competições da CBF para lançar no borderô o valor de R$ 25 para cada sócio presente no Mineirão. Esse é o preço correspondente à metade do ingresso mais barato da bilheteria.

Dessa forma, cria-se uma renda fictícia a cada partida. O Cruzeiro tem cerca de 40 mil sócios da modalidade Cruzeiro Sempre, que não tem lugar garantido no estádio, mas prioridade na compra pela internet. Os valores de bilhetes para esse sócio variam de R$ 35 a R$ 84, dependendo do setor escolhido. No borderô, ele aparece sempre como R$ 25.

Da mesma forma, os sócios com lugar fixo no estádio, que pagam entre R$ 105 e R$ 220 por mês e têm entrada garantida nos jogos, são contabilizados como se pagassem R$ 25 por duelo. Se por um lado as contas do clube podem ficar confusas e pouco claras para o torcedor, por outro o Cruzeiro ameniza o valor a ser pago como tributo à CBF e à FMF por partida, que é calculado em cima da renda bruta dos jogos apresentada nos borderôs.

“O resultado disso é que vamos ter, cada vez mais, uma receita alta de sócios, e uma receita baixa de bilheteria, porque todo associado é tarifado no valor de R$ 25. Com contrapartida, o clube ganha na parte de tributo à Confederação e à Federação, já que o Regulamento Geral das Competições da CBF permite que a gente lance no borderô este valor, que é a metade do ingresso mais barato na bilheteria”, explicou Marcone.

Tags: sócio do futebol mineirão programa sócio bilheteria libertadores ingresso cruzeiro