Cruzeiro

CRUZEIRO

Em jogo de número 50 pelo Cruzeiro, goleiro Rafael valoriza ponto somado contra o líder

Camisa 12 aprovou atuação da Raposa no empate sem gols com o Palmeiras

postado em 13/10/2016 22:30 / atualizado em 14/10/2016 00:30

Célio Messias / Light Press / Cruzeiro
Em seu 50º jogo com a camisa do Cruzeiro, o goleiro Rafael comemorou o empate sem gols com o Palmeiras, líder do Campeonato Brasileiro, em confronto realizado nesta quinta-feira, na Fonte Luminosa, em Araraquara. O resultado da partida válida pela 30ª rodada manteve o clube celeste fora da zona de rebaixamento da Série A, agora com 37 pontos e na 12ª colocação.

De acordo com Rafael, o fato de a Raposa ter segurado o primeiro colocado da competição, detentor do melhor ataque com 52 gols, valorizou ainda mais o ponto somado no interior de São Paulo. O time chegou à terceira partida consecutiva sem ser vazado – anteriormente, havia vencido o Grêmio, por 1 a 0, e a Ponte Preta, por 2 a 0.

“Foi muito importante, temos que valorizar isso contra o líder do Campeonato Brasileiro e jogando fora de casa. Além disso, chegamos ao terceiro jogo sem perder. De nove pontos disputados, foram sete conquistados. Agora é continuar essa sequência e esse trabalho bem feito”, frisou o camisa 12, em entrevista à Rádio Itatiaia.

Seguro durante os 90 minutos e responsável por boas defesas, Rafael disse que a colaboração entre todos os setores da equipe também teve papel importante contra o Palmeiras. “Taticamente, o time está muito bem dentro de campo. Estamos sofrendo pouco defensivamente, pois estamos focados nas funções táticas. Também tem a entrega e a vontade de todos nós quando estamos com a bola”.

No próximo domingo, às 17h, no Mineirão, o Cruzeiro tentará dar sequência ao bom momento diante da Chapecoense, pela 31ª rodada da Série A.

Rafael foi o 25º goleiro a completar 50 jogos pelo Cruzeiro. Veja a lista:

1 – Fábio (2000; 2005/presente) – 705 jogos
2 – Raul – (1966/1978) – 557 jogos
3 – Geraldo II (1934/1955) – 368 jogos
4 – Dida (1994/1998) – 306 jogos
5 – Geraldo I (1927/1945) – 276 jogos
6 – Paulo César Borges (1989/1998) – 264 jogos
7 – Luiz Antônio (1978/1986) – 241 jogos
8 – Hélio (1971/1978) – 207 jogos
9 – Vítor (1971/1984) – 183 jogos
10 – Gomes I (1982/88) - 180 jogos
11 – Genivaldo (1956/1961) – 131 jogos
12 – Mussula (1955/1963) – 126 jogos
13 – André (1999/2003) – 123 jogos
14 – Rossi (1956/1961) – 122 jogos
15 – Gomes II (2002/2004) – 110 jogos
16 – Tonho (1962/1970) – 88 jogos
17 – Jefferson (2000/2002) – 81 jogos
18 – Wellington (1986/1989) – 80 jogos
19 – Fábio (1963/1966) – 78 jogos
20 – Bernard (1951/1954) – 74 jogos
21 – Ademir Maria (1984/1985) – 70 jogos
22 – Sinval (1944/1951) – 66 jogos
23 – Chico (1954/1955) – 57 jogos
24 – Artur (2003/2005) – 55 jogos
25 – Rafael (2008/presente) – 50 jogos

Tags: jogos goleiro interiormg cruzeiro seriea rafael palmeirassp