Cruzeiro

CRUZEIRO

Campeão no profissional e na base: Cacá comemora segundo título pelo Cruzeiro em três dias

Zagueiro ficou no banco contra o Corinthians, na quarta-feira, pela final da Copa do Brasil, e foi capitão do time sub-20 campeão mineiro neste sábado

postado em 20/10/2018 16:46 / atualizado em 20/10/2018 20:00

Gustavo Aleixo/Cruzeiro
O ano de 2018 tem sido especial na vida do zagueiro Cacá. Depois de se destacar nas conquistas do Campeonato Brasileiro Sub-20 e da Supercopa do Brasil Sub-20 do ano passado, o atleta foi promovido ao profissional do Cruzeiro nesta temporada. Na categoria principal, ele soltou o grito de campeão duas vezes. No primeiro semestre, integrou o grupo que faturou o Campeonato Mineiro. Já nessa quarta-feira, fez parte de um desafio ainda maior: o do hexa da Copa do Brasil. Três dias depois de ficar no banco de reservas na vitória por 2 a 1 sobre o Corinthians, em São Paulo, pelo jogo de volta da decisão, o jovem de 19 anos foi requisitado por Ricardo Resende, técnico da equipe sub-20, para ajudar a Raposa a faturar mais uma taça.

Neste sábado, o Cruzeiro recebeu o América, na Toca da Raposa I, pelo duelo de volta da decisão do Campeonato Mineiro Sub-20, e perdeu por 1 a 0 no tempo normal. Como havia vencido o jogo de ida por 2 a 1, no SESC Venda Nova, o time celeste levou a disputa para os pênaltis e venceu por 5 a 4. Coube a Cacá, capitão da equipe, levantar o troféu.

“Mais um troféu conquistado pelo Cruzeiro. Fico muito feliz por vestir essa camisa e poder ajudar tanto nas categorias de base como no profissional. Ainda tenho muito o que aprender no profissional, estou trabalhando para isso, aprendendo todos os dias para evoluir sempre. Quero ainda conquistar muitos títulos com essa camisa”, comemorou o zagueiro.

Curiosamente, os últimos dias foram marcantes para Cacá não somente pelos dois títulos conquistados, mas também por sua estreia com a equipe profissional em uma partida oficial. Foi contra o Vasco, em São Januário, no último domingo, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar da derrota da do Cruzeiro por 2 a 0, o defensor teve boa atuação e recebeu elogios tanto de companheiros de elenco quanto do técnico Mano Menezes.

“Foi realmente uma semana de grandes emoções para mim. Primeiro, pude realizar o sonho de estrear pelo profissional do Cruzeiro. Depois, fomos campeões da Copa do Brasil contra o Corinthians. Na quinta-feira, a comemoração pela cidade foi inesquecível. E hoje conquistamos mais um título mineiro sub-20. Foi uma semana incrível para mim”, celebrou o zagueiro, que disputou 24 jogos pelas categorias de base este ano e marcou dois gols.

Cacá está no Cruzeiro desde junho de 2014 e, com o título deste sábado, alcançou um feito notável. Foi campeão mineiro de todas as categorias em sua carreira: sub-15, sub-17, sub-20 e profissional. No time de cima, o prata da casa é a quinta opção, abaixo dos titulares Dedé e Leo e dos reservas Manoel e Murilo.

Cancha Assessoria/Divulgação


Tags: cruzeiro cacá copadobrasil interiormg futnacional