Cruzeiro

CRUZEIRO

Cruzeiro se diz tranquilo com situação de Romero e tenta acertar salários até esta sexta

Clube espera receber nos próximos dias R$ 8,8 milhões pela negociação

postado em 15/08/2019 16:04 / atualizado em 15/08/2019 17:54

<i>(Foto: Divulgação/Independiente)</i>
Ainda sem receber o dinheiro da venda de Lucas Romero, o Cruzeiro se mostrou tranquilo com o acordo fechado com o Independiente, em 1º de agosto. Segundo o diretor de comunicação Valdir Barbosa, a diretoria celeste recebeu as garantias necessárias dos argentinos em relação ao cumprimento do contrato de transferência.

“Tudo foi mais do que tratado no acerto com o Independiente. Eles vão pagar um valor, que não podemos divulgar, e vão retirar a ação na Fifa envolvendo a dívida do Pisano. Estamos tranquilos com relação a isso. Não queremos confusão”, declarou Barbosa, em contato com o Superesportes nesta quinta-feira.

Conforme apurado pelo Superesportes, o Cruzeiro terá direito a US$ 2,8 milhões da negociação, dos quais serão descontados US$ 600 mil (R$ 2,4 milhões) referentes à dívida pela contratação de Matías Pisano, em janeiro de 2016.

O montante restante, de US$ 2,2 milhões (R$ 8,8 milhões), quitaria os salários de julho, com vencimento em 7 de agosto. O departamento de comunicação confirmou os atrasos, porém ressaltou que a diretoria já se programa para pagar todos os funcionários (incluindo jogadores, comissão técnica e dirigentes) até esta sexta-feira, valendo-se de outras receitas.

Por ora, receberam a totalidade dos proventos somente os colaboradores remunerados em até R$ 2.500,00. A informação do pagamento pendente foi publicada inicialmente pelo Globoesporte.com.

<i>(Foto: Juarez Rodrigues/EM D.A Press)</i>

Romero segue sem jogar


Apesar de ter anunciado o reforço em 5 de agosto, o Independiente só poderá registrar o contrato de Lucas Romero na Argentina se efetuar o pagamento pela compra de seus direitos econômicos. Tanto que o Cruzeiro, até o momento, não publicou a rescisão contratual com o meio-campista no Boletim Informativo Diário da CBF (BID).

El Perro chegou ao Rey de Copas apto a entrar em campo, porém não pôde enfrentar o Independiente del Valle, do Equador, por não ter sido inscrito a tempo na Copa Sul-Americana. O time argentino ganhou em casa, por 2 a 1, mas perdeu fora, por 1 a 0, e acabou eliminado nas quartas de final em função da regra do gol qualificado como visitante.

O próximo jogo do Rojo será contra o Estudiantes, às 20h de segunda-feira, no Estádio Cuidad de La Plata, pela segunda rodada do Campeonato Argentino. O técnico Sebastián Beccacece tem esperanças em contar com Lucas Romero, já que o Independiente se comprometeu a repassar os US$ 2,2 milhões ao Cruzeiro nesta sexta-feira.

Despedida


Os motivos que levaram Romero a pedir para ser negociado pelo Cruzeiro foram a esperança em ser mais bem observado pela comissão técnica da Seleção Argentina, a expectativa de ser utilizado sempre no meio-campo e o nascimento da primeira filha, Rufina. No dia 1º de agosto, ele se emocionou em sua última entrevista como atleta celeste, na Toca da Raposa II.

A apresentação derradeira de El Perro com a camisa azul foi em 30 de julho, no empate por 0 a 0 com o River Plate, no Mineirão, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa Libertadores. O time celeste acabou derrotado nos pênaltis, por 4 a 2, e se despediu da competição.

Romero foi bastante elogiado nas redes sociais por ter cumprido suas obrigações mesmo em vias de sair do clube. Marcação forte, velocidade e  desarmes são as principais qualidades do argentino em campo. Em 152 jogos pelo Cruzeiro, o ex-camisa 29 marcou três gols e conquistou quatro títulos: dois da Copa do Brasil, em 2017 e 2018, e dois estaduais, em 2018 e 2019.

Tags: Lucas Romero salários mercadobola futnacional interiormg volante cruzeiro independiente