Cruzeiro

CRUZEIRO

Por onde andam os jogadores do Cruzeiro rebaixados em 2019? Veja

Maior parte dos jogadores do elenco celeste na temporada passada está em outro clube ou desempregado

postado em 08/08/2020 07:00 / atualizado em 08/08/2020 09:21

(Foto: lexandre Guzanshe/EM D.A Press)
O ano de 2019 foi o pior da história do Cruzeiro. A campanha muito ruim do clube, culminando com rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro, marcou negativamente uma temporada que começou com muitas expectativas. 

Com a queda para a Segundona, muitos dos integrantes do elenco cruzeirense deixaram o clube em 2020, por diminuição da folha salarial ou pelo desejo de atuar por outra equipe. Ao todo, dos atletas que estiveram no Cruzeiro durante a campanha do ano passado, apenas 11 permanecem no atual elenco - os goleiros Fábio e Vitor Eudes, os zagueiros Dedé (em recuperação), Leo e Cacá, os volantes Ariel Cabral, Jadsom e Henrique (esteve no Fluminense e retornou à Toca), além dos atacantes Welinton, Maurício e Vinícius Popó.

Outros 20 jogadores deixaram o Cruzeiro entre dezembro de 2019 e este sábado, 8 de agosto, data em que Cruzeiro dará início à trajetória na Série B do Campeonato Brasileiro, já com um elenco repaginado em relação ao da temporada anterior. Além das mudanças de atletas, o comando técnico passou por alteração: Adilson Batista, comandante celeste nas rodadas finais de 2019, foi demitido em março e deu lugar a Enderson Moreira.

Veja onde estão os jogadores rebaixados com o Cruzeiro no ano passado:

GOLEIRO - Rafael 

Rescindiu contrato com o Cruzeiro em fevereiro e assinou com o rival Atlético em março, quando estreou pelo clube alvinegro. Antes reserva no Cruzeiro, o goleiro virou titular da meta atleticana e disputou todos os cinco jogos do Galo desde sua chegada.

LATERAL-DIREITO - Edilson

Bastante criticado pela torcida durante 2019, Edilson ainda chegou a atuar pelo Cruzeiro em 2020: foram nove jogos e dois gols marcados até o lateral ter o contrato rescindido pelo clube em junho. Atualmente, o jogador está sem clube e teve forte especulação em um retorno ao Avaí, rival do Cruzeiro na Série B do Campeonato Brasileiro.

LATERAL-DIREITO - Orejuela

Titular e dos poucos destaques positivos do time na campanha de 2019, o colombiano não teve a mesma sorte ao deixar o clube celeste. O lateral foi emprestado ao Grêmio em janeiro, mas viu a posição ser dominada por Victor Ferraz e acabou atuando pouco. Ao todo, foram sete jogos disputados (seis como titular) e outros seis em que nem saiu do banco.

LATERAL-DIREITO - Weverton

Vindo do Figueirense para o Cruzeiro em março de 2019, Weverton ficou menos de um ano no clube celeste. Na campanha que decretou o rebaixamento do clube, o lateral-direito disputou apenas cinco partidas. Deixou o time celeste em fevereiro, quando foi negociado com o Red Bull Bragantino por 1 milhão de euros (na época, cerca de R$ 4,6 milhões). No clube paulista, não tem sido titular regularmente - fez apenas cinco jogos. O jogador de 20 anos ficou famoso após dar uma caneta em Neymar em um treino da Seleção Brasileira - ele fazia parte da equipe sub-20 e foi chamado para completar as atividades da equipe principal, no ano passado.

LATERAL-ESQUERDO - Egídio

Em janeiro, acertou, junto com o volante Henrique, a ida ao Fluminense. O volante mal atuou e voltou ao Cruzeiro, mas o lateral-esquerdo se tornou titular e se mantém no clube do Rio de Janeiro. Vice-campeão carioca, o camisa 6 já disputou 16 partidas pelo tricolor e deu duas assistências

LATERAL-ESQUERDO - Dodô

Apesar de ter empréstimo com obrigação de compra junto à Sampdoria, o Cruzeiro não exerceu o dever para contar com o jogador após o final do vínculo, no fim de 2019. Com isso, o Dodô voltou à equipe italiana, mas não foi utilizado. A situação está sendo decidida na Justiça.

LATERAL-ESQUERDO - Rafael Santos

Após fazer apenas duas partidas pelo Campeonato Brasileiro em 2019, o jovem jogador ficou no elenco em 2020, mas foi emprestado à Chapecoense em junho. Com o Cruzeiro na atual temporada, Rafael Santos chegou a fazer quatro partidas.

ZAGUEIRO - Fabrício Bruno

Destaque do time durante parte de 2019, a partir da chegada de Rogério Ceni, Fabrício Bruno deixou o Cruzeiro em janeiro deste ano, tendo o contrato rescindido - apesar disso, o clube celeste ainda mantém 25% dos direitos federativos do atleta. Após deixar a Toca da Raposa, o zagueiro assinou com o Red Bull Bragantino e ganhou titularidade do time em julho. No total, Fabrício Bruno tem seis jogos pelo clube de Bragança Paulista.

VOLANTE - Éderson

Após fazer boas atuações na reta final do Campeonato Brasileiro do ano passado, inclusive com gols importantes, como o da vitória sobre o Corinthians, em São Paulo, por 2 a 1, em 2019, o volante assinou distrato com o clube celeste para assinar com o mesmo Corinthians. Pelo clube paulista, Éderson disputou apenas seis jogos, mas ganhou espaço no time durante a reta final do Estadual e balançou as redes três vezes - duas delas na fase eliminatória do Campeonato Paulista.

VOLANTE - Jadson

Discreto durante a passagem pelo Cruzeiro (apenas 14 jogos no Brasileirão de 2019, oito como titular), o meio-campista foi emprestado ao Bahia até o final desta temporada. Pelo tricolor baiano, Jádson tem feito poucas aparições - apenas sete jogos disputados, além de outros 13 em que ficou no banco e não entrou.

MEIA - Rodriguinho

Assim como Jádson, Rodriguinho trocou o Cruzeiro pelo Bahia. Se em Belo Horizonte o jogador quase não esteve em campo (atuou em apenas cinco jogos do Cruzeiro no Brasileirão passado), pelo time baiano ele tem sido titular, especialmente desde a retomada do futebol no país, em julho. No total, o meio-campista disputou sete jogos, com dois gols marcados.

MEIA - Robinho

Peça importante dos títulos do Cruzeiro da Copa do Brasil em 2017 e 2018, o jogador encerrou o ano passado como um dos jogadores que poderiam ajudar o clube em um processo de reconstrução. Em 2020, até chegou a vestir a camisa celeste: na derrota de 2 a 0 para o CRB, em 11 de março, no Mineirão, pela Copa do Brasil. Em junho, teve o contrato rescindido e, desde então, está sem clube.

MEIA - Thiago Neves

Pivô de grandes polêmicas no Cruzeiro em 2019, Thiago Neves virou figura odiada da torcida nos momentos finais da temporada passada. Embora tenha dito que ficaria no clube celeste para disputar a Série B, o meia rescindiu com o Cruzeiro e foi vestir a camisa 10 do Grêmio. No entanto, em Porto Alegre, o jogador de 35 anos pouco atuou: apenas sete jogos (três como titular) e um gol marcado.

MEIA - Marquinhos Gabriel

Questionado durante toda a passagem pelo Cruzeiro, Marquinhos Gabriel deixou Belo Horizonte para vestir a camisa 10 do Athletico Paranaense. Em Curitiba, o jogador tem sido titular com o técnico Dorival Júnior e já disputou 14 partidas, com três gols marcados. No Furacão, o meia conquistou o Campeonato Paranaense nessa semana.

ATACANTE - Ezequiel

Vindo por empréstimo do Botafogo, Ezequiel pouco atuou com a camisa do Cruzeiro no semestre final de 2019. Com a virada de ano, o jogador foi negociado em definitivo com o Sanfrecce Hiroshima, do Japão. Na equipe asiática, o jogador só estreou no começo de agosto. Ao todo, fez apenas duas partidas (41 minutos em campo) e não marcou gol.

ATACANTE - Joel

Esperança do técnico Abel Braga durante um dos jogos do Campeonato Brasileiro de 2019, o atacante camaronês não vingou pelo Cruzeiro e deixou o clube, definitivamente, em junho. Atualmente, ele está no Marítimo, de Portugal, onde disputou 16 partidas e marcou dois gols em 2020.

ATACANTE - Pedro Rocha

Titular em parte da campanha do Cruzeiro em 2019, quando esteve emprestado pelo Spartak Moscou-RUS, Pedro Rocha foi repassado pelo clube russo ao Flamengo neste ano. No entanto, o atacante quase não entrou em campo - foram apenas quatro jogos oficiais, com um gol marcado. Curiosamente, Pedro Rocha tem, pelo clube carioca, o mesmo número de jogos e troféus: conquistou Supercopa do Brasil, Recopa Sul-Americana, Taça Guanabara e Campeonato Carioca. Nesta semana, o Cruzeiro pagou a pendência que tinha com o Spartak em relação ao empréstimo do jogador.

ATACANTE - David

Bastante criticado enquanto jogador do Cruzeiro, David participou de quase todas as partidas do time no Brasileirão de 2019 - 33 jogos e nenhum gol marcado. Em 2020, o atacante se transferiu para o Fortaleza, onde fez 17 jogos e marcou três gols.

ATACANTE - Fred

Envolvido em alguns problemas com o Cruzeiro, o centroavante de 36 anos nem atuou pelo clube em 2020 e, após entrar na Justiça, teve contrato rescindido. Voltou ao Fluminense, mas fez apenas três jogos, sem marcar gol.

ATACANTE - Sassá

De passagem irregular com a camisa do Cruzeiro, Sassá foi emprestado ao Coritiba até dezembro. Pelo clube paranaense, o centroavante começou o ano como titular, mas perdeu a vaga nas últimas semanas. Ao todo, foram oito jogos e três gols marcados.

Tags: cruzeiro serieb porondeanda por onde anda? seriea