Cruzeiro

CRUZEIRO

Com 'sombra' de Daniel Guedes, Cáceres se mostra ofensivo em início pelo Cruzeiro

Lateral-direito deu duas assistências em quatro jogos pela Raposa

postado em 12/08/2020 17:40 / atualizado em 14/08/2020 17:12

(Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)
A contratação por empréstimo de Daniel Guedes, do Santos, aquecerá a disputa pela titularidade na lateral direita do Cruzeiro. Isso porque Raúl Cáceres, que vem sendo utilizado por Enderson Moreira, mostra-se eficiente no apoio ao ataque em seu início no clube.

Na vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo-SP, no último sábado, no Mineirão, o paraguaio fez a jogada do primeiro gol, aos 17min da etapa final. Ele driblou o marcador e cruzou a bola em direção a Cacá, que cabeceou para o fundo da rede.

Nessa terça-feira, o camisa 2 voltou a colaborar no setor ofensivo ao bater o escanteio para Leo anotar o terceiro tento da Raposa, que ganhou de virada do Guarani, por 3 a 2, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas.

Outra participação, ainda que indireta, ocorreu na vitória diante da Caldense, por 1 a 0, em Poços de Caldas, pelo Campeonato Mineiro. Cáceres levantou a bola na grande área, a zaga da Veterana afastou mal, e Régis chutou no canto esquerdo após ficar com a sobra.

Raúl Cáceres se saiu bem defensivamente contra o Botafogo-SP ao contabilizar três desarmes e ganhar os cinco duelos pelo chão.

De acordo com o SofaScore, o jogador acertou 58 de 71 passes (81,7%), cinco em 11 cruzamentos e deu cinco assistências decisivas. Com base nas estatísticas, a plataforma deu nota 8,4 ao lateral, a maior entre os atletas celestes.

No confronto com o Guarani, Raúl teve dificuldade com os constantes avanços do lateral-esquerdo Bidu, mas mesmo assim conseguiu se segurar. Além de desarmar duas vezes, ele venceu três dos quatro duelos pelo chão.

Raúl Cáceres chegou ao Cruzeiro em 24 de junho, vindo do Cerro Porteño, do Paraguai. Em 2019, ele defendeu o Vasco por empréstimo. O jogador de 28 anos é filho de Virginio Cáceres, ex-defensor do Olimpia e da Seleção Paraguaia. Seu vínculo com a Raposa vai até o fim de 2022.

Daniel Guedes absolvido


Concorrente de Cáceres, Daniel Guedes foi absolvido nesta quarta-feira do processo de doping que responde há quase um ano. Por 3 votos a 2, o Pleno do Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem considerou o jogador inocente e o liberou para acertar os últimos detalhes do contrato com o Cruzeiro. Ele já realizou exames médicos e testes físicos.

O lateral-direito havia sido suspenso preventivamente em setembro de 2019, após exame realizado em 27 de maio detectar o uso da substância higenamina.

A defesa alegou que o atleta ingeriu o composto de maneira involuntária ao beber suco de graviola dias antes de o Goiás enfrentar o CSA, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

O último jogo de Guedes no Goiás, ao qual esteve emprestado pelo Santos, foi em 22 de setembro de 2019. Na ocasião, o time esmeraldino ganhou do Fluminense por 3 a 0, no Serra Dourada, em Goiânia. Os gols foram marcados por Michael, Rafael Vaz e Yago Felipe.

Pelo Santos, Daniel fez o único gol na carreira na vitória sobre o Atlético, em 12 de julho de 2017, na 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele converteu cobrança de falta aos 48 minutos do segundo tempo do jogo no Independência. O lateral participou de 76 partidas no Peixe.

* Nota: a assistência para o gol de Cacá na vitória por 3 a 0 sobre a URT, pela 10ª rodada do Mineiro, foi do volante Jean, e não do lateral-direito Cáceres.

Tags: Cruzeiro lateral-direito serieb interiormg futnacional Daniel Guedes Raúl Cáceres