Cruzeiro

CRUZEIRO

Blog do Jaeci: Cruzeiro volta a procurar Felipão e pode ter Pedro Lourenço como trunfo

Clube celeste segue à procura de técnico após demitir Ney Franco

postado em 15/10/2020 13:10 / atualizado em 15/10/2020 18:06

(Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras/Divulgação)
O Cruzeiro voltou a procurar Luiz Felipe Scolari para assumir o comando do time. Segundo o jornalista Jaeci Carvalho, colunista do Superesportes/Estado de Minas, o empresário e conselheiro Pedro Lourenço pode ter papel fundamental no acerto com o treinador de 71 anos, sem clube desde que saiu do Palmeiras, em setembro de 2019.

De acordo com Jaeci Carvalho, Felipão aceita conversar com o Cruzeiro desde que seja diretamente com Pedrinho, principal patrocinador do clube por meio da rede Supermercados BH.


Jaeci ressaltou que Scolari é grato à Raposa, que lhe deu visibilidade na caminhada até a Seleção Brasileira, em 2001. No ano seguinte, o técnico conquistou a Copa do Mundo com 100% de aproveitamento (sete vitórias).

Em sua passagem pelo Cruzeiro, entre julho de 2000 e junho de 2001, Felipão alcançou 63,56% de aproveitamento, com 40 vitórias, 23 empates e 12 derrotas. Foram 147 gols marcados e 81 sofridos.

Sob o comando de Luiz Felipe Scolari, o time celeste ganhou a Copa Sul-Minas de 2001. No Brasileirão de 2000, fez grande campanha ao liderar a primeira fase, com 45 pontos em 24 jogos, mas foi eliminado pelo Vasco nas semifinais.

Na segunda-feira, Felipão havia recusado o convite do Cruzeiro, que também recebeu negativa de Lisca, do América. Posteriormente, Umberto Louzer, da Chapecoense, e Marcelo Chamusca, do Cuiabá, preferiram seguir em seus respectivos clubes.

A diretoria busca um novo técnico depois da demissão de Ney Franco, no último domingo, com o 0 a 0 diante do Oeste, em Barueri-SP, pela 15ª rodada da Série B. O técnico alcançou aproveitamento de apenas 33,33%, com duas vitórias, um empate e quatro derrotas.

Antes, Enderson Moreira conduziu a equipe celeste nas oito primeiras rodadas da segunda divisão, contabilizando três vitórias, dois empates e três derrotas.

Em razão da perda de seis pontos na Fifa, o Cruzeiro ocupa a 19º colocação da Série B, com 12 pontos em 15 rodadas, e tem apenas 1,1% de probabilidade de subir à elite do Campeonato Brasileiro, conforme cálculos do Departamento de Matemática da UFMG.


Tags: Felipão Cruzeiro serieb interiormg futnacional Jaeci Carvalho Scolari