Cruzeiro

CRUZEIRO

Presidente do Cruzeiro fala sobre Felipão e planeja elenco para 2021

Sérgio Rodrigues garantiu permanência de Felipão e disse que vai em busca de jogadores experientes para encorpar o time

postado em 15/01/2021 15:00 / atualizado em 15/01/2021 15:30

(Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)
O presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, afastou rumores sobre a possível saída do técnico Luiz Felipe Scolari do clube. Ele disse que se reuniu com o treinador na semana passada e em nenhum momento o gaúcho tocou no assunto. De acordo com o dirigente, Felipão disse neste encontro que quer atletas mais experientes para disputar a Série B do ano que vem.

"Eu jantei com ele (Felipão) na semana passada e me surpreendeu (a notícia), porque na nossa conversa ele não tinha falado nada de sair. Falamos de planejamento, de jogadores, de contratações, até sobre questões de expectativas salariais. E depois ele falou beleza, está chegando um diretor novo, vamos sentar e conversar para ver como vai ficar. Eu mesmo perguntei para o empresário dele, o Jorge Machado, existe isso de saída? Machado disse que não tem. Ele vai voltar de Caxias com a delegação e vamos continuar o planejamento", disse Sérgio à 98FM.

Sérgio Rodrigues explicou como o clube vai se portar no mercado. Segundo o dirigente, jogadores precisarão sair para outros chegarem. Ele quer a folha salarial no mesmo patamar em que está hoje. 

Atualmente, são duas folhas e meia (metade de outubro, novembro e dezembro), além do 13º, em atraso no clube. Sérgio se reuniu com os jogadores na tarde dessa quinta-feira, mas não conseguiu determinar um prazo para o pagamento do grupo de atletas e comissão técnica. 
 
"Ele (Felipão) entende que temos que encorpar, temos que ter jogadores mais experientes, e nós também entendemos isso. Com a nossa inteligência de mercado, que começa sempre na análise do Cruzeiro, vai para comissão técnica, direção e presidência, a gente entende o que cabe no orçamento, temos que fazer substituições. Óbvio que não vou cometer o disparate de falar com a torcida que vamos contratar e trazer, mas desde que chegamos a folha ficou a mesma. O Sóbis veio e saiu o Marquinhos Gabriel. A gente foi repondo. Nossa ideia é fazer essas reposições. É claro que vai vir gente, mas dentro desta realidade", explicou.