Cruzeiro

CRUZEIRO

Cruzeiro perde para o Juventude e não tem chances de voltar à Série A

Raposa ficará mais um ano distante da Primeira Divisão

postado em 16/01/2021 20:55 / atualizado em 17/01/2021 13:34

(Foto: Arthur Dallegrave / Juventude)
Se ainda havia algum torcedor fanático que acreditava no acesso do Cruzeiro, agora a matemática confirma: o time celeste não tem mais chances de disputar a Série A em 2021. Neste sábado, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul-RS, a Raposa perdeu para o Juventude por 1 a 0, gol de pênalti de Grampola, pela 35ª rodada da Segunda Divisão do Brasileiro. 

Com o resultado, o Juventude subiu para a quarta posição, com 55 pontos. O Cruzeiro permaneceu com 44. Como faltam três rodadas para o fim da competição, a equipe de Felipão não pode alcançar o grupo dos quatro primeiros, que ainda tem América (68), Chapecoense (66) e Cuiabá (58).

Esta foi a 11ª derrota do Cruzeiro na Segunda Divisão, número que expõe uma campanha vergonhosa para o time de maior folha salarial da competição. Vale ressaltar que o clube celeste é o único dos considerados grandes do Brasil nesta Série B. Na próxima edição do torneio, equipes como Botafogo, Bahia e Vasco podem cair da Primeira Divisão, tornando ainda mais difícil o acesso.



O jogo


Luiz Felipe Scolari promoveu duas novidades no Cruzeiro. O meia Giovanni e o atacante William Pottker cumpriram suspensão diante do Oeste e voltaram ao time. Com isso, Welinton e Marcelo Moreno, que ganharam chances de iniciar a última partida, retornaram ao banco de reservas neste sábado. Ambos tiveram atuações apagadas na primeira etapa do jogo contra o Oeste e foram substituídos ainda no intervalo daquela partida.

A partida começou travada em função da condição do gramado, encharcado com as fortes chuvas. Giovanni reclamou: "Muito pesado e com barro", disse. Foi dele a primeira chance de gol. Aos 9 minutos, o meia celeste recebeu na intermediária e arriscou. Marcelo Carné segurou firme. A Raposa teve mais posse de bola, mas não conseguiu criar chances reais de gol.
 
 

Na primeira boa jogada ofensiva, o Juventude marcou. Aos 20 minutos, Matheus Pereira cometeu pênalti infantil ao puxar Capixaba na área. Grampola bateu no ângulo, sem chances para Fábio: 1 a 0.

O Cruzeiro voltou com uma modificação para o segundo tempo: com desempenho bem abaixo do razoável, Matheus Pereira deu lugar para Rafael Luiz. E o time de Felipão melhorou. Aos 5', Rafael Sobis recebeu lançamento de Pottker e marcou um belo gol. O árbitro Paulo Roberto Alves Junior anulou, marcando impedimento.  

A Raposa seguiu pressionando. Aos 10', Pottker invadiu a área e cruzou rasteiro, a bola foi direto para o gol e quase surpreendeu o goleiro Carné. Em outra chegada, Sobis recebeu cruzamento na área e, mesmo sozinho, não acertou o gol. No fim do jogo, Pottker ainda acertou a trave. 

JUVENTUDE 1 X 0 CRUZEIRO


Juventude
Marcelo Carné; Igor, Wellington (Augusto), Emerson e Eltinho; Gabriel Bispo, Gustavo Bochecha, Capixaba (Matheuzinho), Renato Cajá (Neto) e Rogério (Roberto); Rafael Grampola (Everton). Técnico: Pintado

Cruzeiro
Fábio; Cáceres, Manoel, Ramon e Matheus Pereira; Adriano e Filipe Machado (Jadson); Airton (Marcelo Moreno), Giovanni (Welinton) e William Pottker; Rafael Sobis. Técnico:Luiz Felipe Scolari

Gol: Rafael Grampola (pênalti)

Cartões amarelos: Eltinho, Neto e Emerson Silva (Juventude). Rafael Sobis e Airton (Cruzeiro)

Motivo: 35ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
Local: Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)
Data e horário: 16 de janeiro de 2021 (sábado), às 19h
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Assistentes: Rafael Trombeta (PR) e Luciano Roggenbaum (PR)