Cruzeiro

MERCADO DA BOLA

Marcelo Moreno e Giovanni, do Cruzeiro, são oferecidos ao Botafogo

Transferências de atacante e meia, no entanto, são improváveis neste momento

postado em 23/02/2021 15:14 / atualizado em 23/02/2021 15:28

(Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)
O atacante Marcelo Moreno e o meia Giovanni, ambos do Cruzeiro, foram oferecidos ao Botafogo na última semana. Os dois casos ainda estão sob análise do departamento de futebol do clube carioca, mas com “poucas possibilidades de avanço neste momento”, conforme revelou ao Superesportes uma fonte ligada ao time de General Severiano. 

Nenhum dos atletas têm características desejadas inicialmente pelo técnico Marcelo Chamusca, apresentado como novo comandante do Botafogo nessa segunda-feira. Na chegada ao Rio, o treinador, que fez um bom trabalho no comando do Cuiabá na última Série B, ressaltou o desejo de ter uma equipe bastante competitiva.

A informação do interesse alvinegro em Giovanni foi divulgada inicialmente pelo Globoesporte.com. O veículo também noticiou que o meia não está nos planos do técnico Felipe Conceição para a temporada do Cruzeiro. Na Toca da Raposa II desde meados de 2020, o jogador tem dez partidas pelo clube mineiro e nenhum gol marcado.

Já sobre Marcelo Moreno, ainda não há uma decisão final sobre seu aproveitamento no Cruzeiro em 2021. Contratado no ano passado sob grande expectativa de gols na Série B, o boliviano nem sequer cumpriu a meta de se tornar o maior artilheiro estrangeiro da Raposa. Até aqui, na terceira passagem pelo clube, foram 32 jogos e três gols marcados.

Atualmente, Conceição tem à disposição para a função de Giovanni os meias Marcinho, Claudinho e Marco Antônio. Já para o ataque, com as características de Marcelo Moreno, integram o elenco Rafael Sobis, Thiago e Zé Eduardo. 

O Cruzeiro não comenta negociações que não estejam concretizadas. Fabiano Farah e Ricardo Sheidt, empresários de Marcelo Moreno e Giovanni, respectivamente, não responderam aos contatos da reportagem.