Cruzeiro

CAMPEONATO MINEIRO

Fábio, do Cruzeiro, critica Lisca em áudio vazado: 'A carreira dele diz'

'A carreira dele que diz o que é e o que não é', comentou o camisa 1 celeste

postado em 02/05/2021 23:37 / atualizado em 03/05/2021 09:33

(Foto: Juarez Rodrigues/EM/D. A Press)
O primeiro clássico pela semifinal do Campeonato Mineiro foi marcado por vitória do América sobre o Cruzeiro, por 2 a 1, e muitas polêmicas. Uma delas foi uma discussão de Lisca com o goleiro cruzeirense Fábio nos minutos finais, após o Coelho conseguir a virada no Mineirão. Horas depois da partida, um áudio vazado de uma conversa no Whatsapp mostrou a reprovação do camisa 1 celeste com a postura do técnico americano.



Do treinador (Lisca) é até lamentável falar. A carreira dele que diz o que é e o que não é. Mas é continuar trabalhando. Fé em Deus que vai dar tudo certo esse ano. Em nome de Jesus”, disse Fábio, na gravação, a um amigo.

No momento da discussão entre Lisca e Fábio, na reta final do clássico, a transmissão da TV Globo registrou que o goleiro se dirigiu ao técnico do América com a seguinte fala: ‘Eu te respeito pra caramba’. Em resposta, o comandante do Coelho sinalizou com a mão o tradicional ‘fala muito’.

Foco é a Série B


Também no áudio vazado, Fábio falou sobre a derrota do Cruzeiro no clássico e destacou que a prioridade do clube deve ser a campanha na Série B e o retorno à elite nacional em 2022. “E aí, fera. Beleza? Na paz? É, a gente tem que preparar o time pro Brasileiro. É isso aí. Ser um time consistente e fazer nossa parte para subir o time. Se a gente jogar assim, tem mais chances das vitórias e do nosso objetivo. E é coisa de jogo né. (O Cruzeiro) Poderia ter matado (o clássico). E numa bola parada, os caras cresceram no jogo”.

O Cruzeiro saiu em vantagem no clássico com um gol de Rafael Sobis, aos 37 minutos do primeiro tempo. Na segunda etapa, as alterações feitas por Lisca fizeram o América equilibrar as ações. A reação começou aos 40min, quando Leandro Carvalho cobrou escanteio no primeiro poste, e Alê cabeceou para empatar: 1 a 1. A virada veio aos 44, com Ademir, que tocou a ponta da chuteira na bola após nova assistência de Carvalho: 2 a 1.

Mais confusão no final


Tão logo o árbitro Marco Aurelio Augusto Ferreira encerrou a partida, jogadores e integrantes das comissões técnicas de Cruzeiro e América se estranharam na área de acesso para os vestiários.

Vários seguranças dos clubes atuaram para evitar uma briga generalizada. Houve troca de agressões verbais. Tudo foi registrado pela TV Globo e pelo canal Premiere, detentores dos direitos de transmissão do Mineiro.
 
Durante a confusão, o atacante Marcelo Moreno, do Cruzeiro, gritou para o técnico do América: “Ô Lisca, vai ter volta, hein. Faltou com respeito com a gente, vi...”.

América e Cruzeiro farão o jogo de volta da semifinal no próximo domingo, dia 9 de maio, às 16h, no Independência. O Coelho pode até perder por um gol de diferença que ainda assim avançará à decisão. A Raposa, por sua vez, precisa de um triunfo por dois gols de vantagem.


Tags: mineiro semifinal serieb americamg cruzeiroec interiormg seriea