Futebol Nacional

Planejamento

Elenco do Santa Cruz está valorizado após o Tricampeonato Pernambucano 2013

Conquista vai, naturalmente, valorizar o elenco coral. Mas, a priori, só Dênis Marques preocupa

postado em 14/05/2013 07:22 / atualizado em 14/05/2013 16:08

Rafael Brasileiro /Diario de Pernambuco

Conquistar o título foi difícil. E, tão logo alcançado o objetivo, o Santa Cruz já começa a enfrentar outro grande desafio. Não é a Copa do Brasil nem a Série C. Esse é extracampo. O sucesso atrai os holofotes, gera valorização e, nesse cenário, manter o elenco é um desafio complicado. Em 2010, mesmo sem ser campeão, por conta das limitações financeiras, o time sofreu um desmanche generalizado. No ano seguinte, campeão, perdeu Gilberto. Em 2012, bicampeão, quem saiu foi o volante Memo. Neste ano, as especulações já começaram. E o risco atual envolve o artilheiro Dênis Marques.

Edvaldo Rodrigues/DP/D. A. Press
Após ajudar o clube coral a conquistar o bicampeonato em 2012, DM9 teve sua permanência colocada em dúvida. Por ele mesmo. Após a conquista do título, domingo, ainda na Ilha do Retiro, ele revelou a existência de propostas. “Não sei se fico. Espero que sim, mas o futuro a Deus pertence”, afirmou e justificou. “Recebi algumas propostas, mas não vou dizer quais clubes.” Resumindo: espera uma valorização salarial.

Algo semelhante ao que aconteceu no ano passado. O atacante veio para o clube com um contrato de risco. Os seus 15 gols no Estadual foram suficientes para afastar a desconfiança e justificar o investimento. Para manter o atleta, o Santa Cruz realizou um amistoso contra o CSA, na busca por recursos financeiros. A partida não atraiu tantos torcedores. Pouco mais de cinco mil pessoas estiveram presentes, mas o Tricolor do Arruda conseguiu manter o atleta. Ele mesmo anunciou a permanência no sistema de som do estádio: “Estamos juntos e misturados.” A pergunta agora é saber até quando vai a mistura.

Se as declarações de Dênis indicam incerteza, a direção coral demonstra confiança na permanência do atacante. “No ano passado passamos por isso e conseguimos negociar. Eu acho que não teremos dificuldade. Ele quer ficar e nós também queremos. Acho que vamos chegar a um acordo”, declarou o diretor de futebol Jomar Rocha. “Iremos nos reunir com Martelotte ainda, mas acredito que em time que ganha não se mexe. Vamos conversar e tentar manter este grupo”, declarou Jomar Rocha.

R$ 300 mil folha salaria do elenco

Estão com o contrato perto do fim e serão procurados para renovar:

Flávio Caça-Rato  
O desempenho acima do esperado e o crescimento durante a competição deu à diretoria a confiança necessária para apostar no jogador até o fim da temporada

André Dias
Não teve tantas oportunidades, mas como tem um custo-benefício baixo, vai ganhar mais uma chance para mostrar seu futebol

Renan Fonseca  
Inicialmente, veio para completar o elenco, mas as circunstâncias o levaram ao time titular. Ele correspondeu e por isso será recompensado com um novo contrato

Já renovou: Anderson Pedra (até o fim de 2014)

Tiago


Herói da conquista do último domingo, o goleiro Tiago Cardoso deve sofrer um certo assédio de alguns clubes. Comum, até. Nas temporadas anteriores, ele chegou a ser contatado por outros clubes. Neste ano, especulou-se que o Náutico teria manifestado o interesse em contratá-lo. Mas nada há de concreto. Além do mais, Tiago sempre deixou clara a sua intenção de permanecer no elenco coral.