Futebol Nacional
None

PANDEMIA

Federação do Rio Grande do Norte cancela o Estadual e critica governo

Campeonato Potiguar não voltará a ser disputado em 2021

postado em 25/03/2021 20:38

(Foto: Reprodução/Twitter)

A Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF) cancelou, com a anuência dos clubes, o Campeonato Potiguar de 2021. No domingo, a entidade, a Associação dos Cronistas Esportivos do Rio Grande do Norte (ACERN) e o Sindicato dos Atletas de Futebol Profissional do Estado do RN (SAFERN) já haviam criticado a decisão do governo do Rio Grande do Norte em paralisar o Estadual.

O Campeonato Potiguar foi cancelado com apenas quatro rodadas disputadas. América e ABC estavam na zona de classificação para a final do primeiro turno.

A FNF tentou a retomada do Potiguar, mas o governo estadual não liberou. Nem mesmo deu garantias que a volta seria em 3 de abril, como anunciado anteriormente. Diante disso, FNF e clubes decidiram cancelar a edição 2021. "Momento de decisão difícil esta tarde na FNF. Juntamente com os clubes, diante das últimas decisões do governo, decidimos cancelar o Campeonato Potiguar 2021", escreveu José Vanildo, presidente da FNF, em suas redes sociais.



Mesmo com os jogos vetados, o governo do RN liberou os treinamentos apenas para ABC e América, que disputam competições nacionais em 2021. E isso foi um dos motivos para a FNF criticar duramente a gestão da governadora Fátima Bezerra (PT).

"Foi aberta uma exceção para as equipes que estão disputando competições nacionais. Tal decisão demonstra que o motivo maior da suspensão da competição não é a propagação da COVID-19 e muito menos as vidas que se perderam no Rio Grande do Norte em decorrência da doença. Se assim fosse, não seriam abertas exceções para beneficiar determinadas equipes. Trata-se de um motivo político, sem qualquer coerência ou razoabilidade. A decisão demonstra que o argumento científico da paralisação é secundário, ou o vírus só se propagará nos treinos das 6 equipes que disputarão o estadual e não nos treinos das equipes que estão jogando o campeonato nacional?", diz a nota.

OUTROS ESTADOS

Nesta quinta-feira, o governo do Espírito Santo também endureceu as regras no Estado e o Capixaba não voltará mais em 1º de abril. O Estadual ficará parado até, pelo menos, até o dia 4. Assim como a competição do ES, outros Estaduais estão paralisados, como o Candango, Cearense, Goiano, Mineiro, Paraense, Paulista e Tocantinense, fora Amapaense, Acreano, Rondoniense e Roraimense que sequer começaram. O Catarinense ficou 15 dias parado e voltou em 19 de março.

Tags: estadual governo pandemia COVID-19 campeonato potiguar federação do rio grande do norte