UAI

2

Grêmio divulga que Villasanti teve traumatismo, mas sem fratura na cabeça

Volante paraguaio foi atingido em ataque ao ônibus da delegação tricolor, perto do Beira-Rio, e clássico foi adiado

26/02/2022 21:35
compartilhe
Atingido em ataque ao ônibus do Grêmio, Villasanti teve diagnosticado traumatismo, mas sem fratura
foto: Lucas Uebel/Grêmio

Atingido em ataque ao ônibus do Grêmio, Villasanti teve diagnosticado traumatismo, mas sem fratura


Atingido em ataque ao ônibus do Grêmio, antes do Gre-Nal que seria neste sábado e acabou adiado por causa do incidente, o volante Villasanti foi levado a hospital para exames. O clube tricolor divulgou que o paraguaio teve traumatismo craniano e concussão cerebral, mas descartou fratura na cabeça. 



Villasanti foi atendido logo depois do ataque, que ocorreu quando o ônibus estava próximo do Beira-Rio. Outros jogadores foram atingidos, como Campaz e Thiago Santos, que tiveram escoriações, mas o caso que mais preocupava era o do volante. Ele foi encaminhado ao hospital e passou por exames na cabeça e no rosto. 

Na noite deste sábado, o Grêmio divulgou nas redes sociais o diagnóstico do volante paraguaio. "Atualização sobre Villasanti: o atleta está bem, sob cuidados no hospital Moinhos de Vento. Fez exames e foi constatado um traumatismo craniano e uma concussão cerebral, porém sem fratura na cabeça. Tem escoriações no rosto e um trauma no quadril. Estamos contigo, @Mathiasvillaa", escreveu o clube gaúcho no Twitter. 



O fato ocorreu por volta das 17h30, uma hora e meia antes do previsto para a partida. Conforme relatos de dirigentes do Grêmio, o veículo foi atacado quando se aproximava do Beira-Rio. Torcedores colorados teriam saído do Parque Marinha do Brasil, vizinho ao estádio, conseguiram se aproximar do ônibus e atiraram pedras e paus em direção à equipe.

A Polícia Civil informou que câmeras de segurança das vias próximas ao estádio serão utilizadas para identificar os autores do ataque. A Secretaria de Segurança do Rio Grande do Sul divulgou que dois suspeitos foram detidos. A Federação Gaúcha, que decidiu adiar a partida, ainda não anunciou uma nova data para o Gre-Nal. 


Compartilhe