UAI

2

Encaminhado com o Porto, Veron será desfalque do Palmeiras contra o América

Atacante está perto de se transferir para clube português e foi cortado da relação para o jogo com o Coelho, nesta quinta, no Independência

20/07/2022 20:06
compartilhe
Gabriel Veron está perto de deixar o Palmeiras para defender o Porto
foto: Cesar Greco/Palmeiras

Gabriel Veron está perto de deixar o Palmeiras para defender o Porto


O atacante Gabriel Veron está muito perto de deixar o Palmeiras. O clube alviverde está em negociações bem encaminhadas com o Porto para a transferência do jogador de 19 anos. Faltam alguns detalhes a serem acertados para a concretização do negócio. Ele não enfrentará o América, nesta quinta-feira, em Belo Horizonte, e deve viajar a Portugal para fazer exames e assinar o contrato com seu novo time.

O Porto deverá pagar 10 milhões de euros (cerca de R$ 55 milhões, na cotação atual) para contratar Gabriel Veron. O Palmeiras deverá ficar com 75% ou 80% deste valor. Inicialmente o clube alviverde ficaria com 60%.

Na atual temporada, o atacante já foi utilizado em 35 partidas pelo treinador português Abel Ferreira. Nelas, marcou dois gols - o último contra o Cuiabá, na última segunda-feira - e deu seis assistências para seus companheiros. No geral, atuou em 97 jogos e balançou as redes 14 vezes, fazendo parte das conquistas do Campeonato Paulista (2020 e 2022), Copa Libertadores (2020 e 2021), Copa do Brasil (2020) e Recopa Sul-Americana (2022).

Destaque desde a base, Gabriel Veron também passou recentemente por uma polêmica. Em vídeo divulgado nas redes sociais, o atacante foi flagrado em uma casa noturna dois dias antes da decisão das oitavas de final da Copa do Brasil contra o rival São Paulo. Por isso, acabou punido e multado pelo Verdão.

Mesmo com a saída de Gabriel Veron ao Porto, o Palmeiras conta com reforços importantes para manter o elenco forte no setor de ataque. Contratados recentemente, o uruguaio Miguel Merentiel e o argentino José Flaco López foram regularizados no BID da CBF e as suas respectivas estreias dependem apenas da decisão de Abel Ferreira.

Compartilhe