Tênis

ROLAND GARROS

Minas pode ter dois campeões nas duplas masculinas em Roland Garros

Antes de Bruno Soares, jovem Bruno Oliveira disputa final juvenil

postado em 09/10/2020 22:04

(Foto: FFT/Divulgação)
Um tenista consagrado e dono de três títulos de duplas masculinas em Grand Slam. Outro, uma jovem revelação das quadras em busca do sonho de erguer a primeira taça em Paris como juvenil. São os representantes mineiros que decidem as finais neste sábado. Bruno Soares, ao lado de Mate Pavic, tenta mais uma façanha na final de Roland Garros, diante dos alemães Kevin Krawietz e Andreas Mies, atuais campeões do torneio francês. 

A final das duplas masculinas está prevista para as 11h30 deste sábado. Campeão no US Open deste ano, ao lado de Mate Pavic, Bruno Soares espera repetir o feito em mais um Grand Slam. "É minha primeira final em Roland Garros, depois de duas semifinais. São torneios que queremos estar, os jogos que queremos disputar e os troféus que queremos conquistar", afirmou o veterano tenista de BH, de 38 anos. 

Bruno Soares, que vai em busca do 34º título de sua carreira, disputará a sua quinta decisão de Grand Slam nas duplas masculinas. Além do título recente em Nova York, o mineiro também foi campeão do Australian Open e do US Open em 2016, com Jamie Murray. Foi também no US Open que Bruno ficou com um vice-campeonato, em 2013, ao lado de Alexander Peya. Além dos títulos de duplas ele tem três títulos de duplas mistas em Grand Slams, um no Australian Open e dois no US Open.

(Foto: Reprodução/Instagram)


Juvenil


Antes da final masculina, neste sábado, os juvenis terão a decisão nas duplas. Por volta das 9h (de Brasília), o Brasil terá representantes em busca do título para jovens até 18 anos. O também mineiro Bruno Oliveira e o baiano Natan Rodrigues, enfrentarão a parceria checa formada por Martin Krummich e Dalibor Svircina. 

Bruno Oliveira e Natan Rodrigues integram o projeto da Fly Sports, de BH, coordenado por Bruno Soares e o seu treinador principal, Hugo Daibert. Bruno é orientado pelo técnico, que está em Paris para acompanhar os atletas em Roland Garros.

Tags: final duplas Roland Garros Bruno Soares Mate Pavic