Cruzeiro

Marcelo Oliveira aponta desorganização como causa de "vitória sofrida" do Cruzeiro

Para treinador, torcida acertou ao protestar durante triunfo sobre o Tombense

postado em 02/03/2013 18:49

O Cruzeiro venceu o Tombense, por 3 a 1, e confirmou a liderança do Campeonato Mineiro. Ao analisar novo triunfo, o técnico Marcelo Oliveira manifestou insatisfação com queda de rendimento da equipe ao longo da partida. Para o comandante cruzeirense, a desorganização da equipe impediu que o nível apresentado no primeiro tempo fosse repetido na etapa final.

“Concordo com o desempenho alternando durante todo jogo, principalmente o primeiro tempo em relação ao segundo tempo. No primeiro tempo, tivemos volume de jogo muito bom e o Tombense evitou que fizéssemos mais gols. Estávamos pecando na hora de fazer a jogada para o gol. Foi bom pelo volume, mas faltou capricho”, disse.

“No segundo tempo, eles continuaram atrás, depois se soltaram e nós demos muitos contra-ataques. Desorganizamos a forma de jogar. Foi uma vitória um pouco sofrida, que nos mostra, claramente, que precisamos ajustar sempre, colocar jogadores em melhor condição física, para aguentar recomposição e chegada ao ataque. Houve desorganização do Cruzeiro, que possibilitou equipe adversária chegar mais”, acrescentou.

O Cruzeiro abriu o placar na etapa inicial com Vinícius Araújo. Everton Ribeiro ampliou na etapa final. Na sequência, em jogada de bola parada, Adeílson diminuiu para o Tombense. O terceiro gol celeste saiu aos 44 minutos, com Elber.

Diante das oportunidades criadas pelo Tombense na etapa final, Marcelo Oliveira concordou com protestos dos torcedores ao longo da etapa final. “Podíamos ter feito mais no primeiro tempo em termos de finalização e até gols, para que definíssemos o jogo. O resultado ficou um pouco sofrido, e o torcedor se manifestou de forma correta, porque, em algum momento, nós corremos muito risco”, destacou.

Para Marcelo Oliveira, o período de 14 dias sem jogos prejudicou o desempenho do Cruzeiro neste sábado. “Achávamos que esse tempo não iria influenciar, porque descansamos um pouco, mas agora, depois do jogo, penso que pode ter prejudicado um pouquinho”, comentou.