Velocidade

FÓRMULA 1

Piloto Lance Stroll revela que testou positivo para COVID-19 após GP de F-1

Stroll não participou daquela etapa porque apresentou mal-estar. Ele sequer foi para a pista no terceiro treino livre - as duas primeiras sessões haviam sido canceladas devido à neblina

postado em 21/10/2020 13:45 / atualizado em 21/10/2020 13:51

(Foto: Divulgação/AFP)

O piloto canadense Lance Stroll revelou nesta quarta-feira que contraiu e já se recuperou da COVID-19. O exame, com resultado positivo, foi realizado logo após o GP de Eifel de Fórmula 1, disputado no dia 11 de outubro, na Alemanha.
 
Stroll não participou daquela etapa porque apresentou mal-estar. Ele sequer foi para a pista no terceiro treino livre - as duas primeiras sessões haviam sido canceladas devido à neblina. E acabou sendo substituído pelo piloto alemão Nico Hülkenberg na equipe Racing Point.

"No sábado de manhã, comecei a me sentir mal e acordei com dor de estômago. Segui o protocolo da FIA (Federação Internacional de Autobilismo) e me isolei no meu motorhome e não entrei novamente no paddock. Não estava em condições de correr, então voltei para casa mais cedo, no domingo de manhã. Como ainda estava me sentindo indisposto, fiz um teste de covid na noite de domingo", declarou Stroll, em suas redes sociais.

O piloto canadense revelou que ficou em isolamento por dez dias após receber o teste positivo. E que já se sente 100% e com resultado negativo no exame para o novo coronavírus. "Mal posso esperar para estar de volta com o time para a corrida em Portugal", declarou o canadense.

Stroll retomará seu posto de titular na Racing Point no próximo fim de semana, no circuito de Portimão, em Portugal.

Curiosamente, o segundo caso de covid-19 entre pilotos na Fórmula 1 acontece na mesma equipe. O companheiro de Stroll no time, o mexicano Sergio Pérez, já foi infectado. E também perdeu um GP, na Inglaterra, no mês de julho.

Tags: automobilismo formula1 mais esportes stroll covid-19