Velocidade

FÓRMULA 1

'Alterações foram feitas para nos atrasar', diz Hamilton sobre novas regras

Heptacampeão mundial comentou desagrado com novo regulamento da categoria

postado em 27/03/2021 19:19

(Foto: Lars Baron/AFP)
O piloto britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, afirmou neste sábado, após ver o rival holandês Max Verstappen, da Red Bull, ser mais rápido no treino oficial de classificação e largar na pole neste domingo no GP do Bahrein, que as mudanças recentes no regulamento da Fórmula 1, em relação à altura da suspensão traseira, prejudicaram o desempenho dos carros da sua equipe.

"Não é segredo nenhum que as alterações foram feitas para nos atrasar", disse o heptacampeão mundial em entrevista coletiva após a definição do grid de largada para a corrida de estreia da Fórmula 1 em 2021, em que ele sairá em segundo lugar. Foi a primeira vez, desde 2014, que a Mercedes não abre a temporada com um piloto na pole position.

Apesar disso, Hamilton não se aprofundou nas críticas à Federação Internacional de Automobilismo (fiam na sigla em francês) e desconversou. "Mas tudo bem, adoramos desafios e não vamos nos prender a essas coisas. Apenas trabalharemos duro para ser o melhor que pudermos. É isso o que vamos fazer", concluiu o astro da Mercedes.

O chefe da equipe Aston Martin, Otmar Szafnauer, concordou que as novas regras estavam prejudicando os carros com traseiras mais baixas e salientando a performance daqueles que têm traseiras mais altas.

"Não estamos nem perto do nosso desempenho padrão e a causa direta dessa queda de desempenho é o novo regulamento aerodinâmico de 2021. Parece que os carros de filosofia aerodinâmica com suspensão traseira mais alta ganharam cerca de um segundo por volta", afirmou Szafnauer.

Tags: hamilton regras formula1 Bahrein formulaum