DA ARQUIBANCADA

Viva o nordestino Givanildo Oliveira!

"O velho Giva já provou ser o treinador ideal para o América, o mais identificado com o clube e com a maioria dos torcedores"

postado em 26/11/2018 10:58 / atualizado em 26/11/2018 11:05

Mourão Panda / América
Mais uma vez, Givanildo Oliveira chega ao América e traz de volta a esperança de dias melhores. Nesta curta temporada, até agora, recuperou o ânimo de jogadores e torcedores, conquistouvitórias importantes e colocou o time de novo na luta pela permanência na Série A. No domingo, contra o Fluminense, pode até ser que não consiga o que pretende e que todos nósdesejamos: a vitória. Mas tem 50% de chance de conseguir, pois o time só dependerá de si, do seu futebol e de suas próprias forças para chegar aos 43 pontos e deixar quatro clubes para trás na tabela de classificação. Será, para todos os americanos, o jogo mais importante do ano. 

Entrevistado depois da vitória por 1 a 0 sobre o Bahia de Enderson Moreira, o capitão do América, Matheus Ferraz, elogiou as qualidades do treinador: “Givanildo é humildade, simplicidade e trabalho. Ele chegou e fez o trabalho com mais tranquilidade, dando confiança ao jogador, tudo com simplicidade”. Reanimado, como toda a equipe, o zagueiro disse que “a gente tem mais um jogo para decidir. (...) Vamos seguir firmes para alcançar nosso objetivo”. 

Se o América conseguir a vitória e a classificação, proponho três coisas a torcedores e a dirigentes: 1) Quando a equipe chegar a Belo Horizonte, que todo o grupo receba aplausos e cumprimentos calorosos; 2) Que Givanildo tenha seu nome gritado e seja carregado no alto por torcedores; 3) E, assim como Alex Ferguson foi treinador do Manchester United por muitos anos, que já na segunda-feira, 3 de dezembro, Givanildo Oliveira seja instituído treinador do América pelos próximos cinco anos ou até quando ele quiser ou sua idade avançada permitir.

Independentemente do resultado de domingo, o velhoGiva já provou ser o treinador ideal para o América, o mais identificado com o clube e com a maioria dos torcedores. Deveríamos todos, torcedores, jogadores e dirigentes, render homenagens a ele, respeitá-lo e incentivá-lo a ficar aqui por muitos e muitos anos. É certo quecomemoraremos vitórias e aumentaremos o número de troféus acumulados pelo clube em sua sede.

Alex Ferguson treinou a equipe do Manchester United por 27 anos seguidos, de 1986 a 2013. Nesse período, conquistou 38 títulos. Em suas quatro passagens pelo América, Givanildo Oliveira foi campeão nacional das Séries B (1997) e C (2009) e campeão mineiro em 2016. Também foi ele quem lançou Richarlison no time principal do Coelhão, em 2015. O garoto entrou em campo faltando 15 minutos para o fim da partida e marcou seu primeiro gol como profissional na vitória por 3 a 1 sobre o Mogi Mirim, em jogo válido pela Série B daquele ano, na qual o Rei do Acesso levou o clube de volta à Série A. Além dessa classificação, todos sabem o que ocorreu com Richarlison a partir daí. Conclusão: muitos milhões entraram nos cofres do clube com a venda do craque e muitos pontos foram somados à conta positiva do Givamito no América.
Dirigentes e torcedores

Como o Fluminense é time forte na CBF e na Comissão de Arbitragem, cabe aos dirigentes americanos se posicionarem com firmeza para que a partida de domingo seja disputada e arbitrada dentro dos limites esportivos e éticos. Desde já, deverão deixar claro à entidade que não aceitarão que o América seja prejudicado por erros de juízes e bandeirinhas. Portanto, senhores presidente e diretores: exijam na CBF que o jogo tenha fair play dos 22 atletas e, principalmente, da meia dúzia de árbitros e assistentes.

Já a torcida americana tem de torcer hoje à noite para o São Paulo derrotar o Sport, no Morumbi. Durante a semana, torcedores e torcedoras que têm fé deverão acender velas para todos os santos, santas e orixás de sua devoção. E os ateus, homens e mulheres, que durmam todas as noites de chuteiras e com a camisa do América. Dentro dos conformes, vale tudo para o Coelhão ficar na Primeirona.Coeeeeelho!

Tags: americamg interiormg seriea futnacional givanildo