TROFÉU TELÊ SANTANA

Atlético domina 21ª edição do Troféu Telê Santana; veja os vencedores

Dos 19 troféus distribuídos, o Galo levou 13, enquanto América e Cruzeiro ficaram com dois; seleção de 2021 foi formada por dez atleticanos

postado em 28/04/2022 22:08 / atualizado em 29/04/2022 14:09

(Foto: TV Alterosa)

Campeão mineiro, brasileiro e da Copa do Brasil em 2021, o Atlético dominou a premiação da 21ª edição do Troféu Telê Santana, realizada nesta quinta-feira (28), em transmissão no Youtube e no Superesportes. Dos 19 troféus distribuídos, o Galo levou 13 estatuetas.





O Atlético emplacou dez jogadores na seleção do ano passado: o goleiro Everson; o lateral-direito Mariano; os zagueiros Junior Alonso e Nathan Silva; o lateral-esquerdo Arana; os volantes Allan e Jair; os meias Zaracho e Nacho Fernández; e o atacante Hulk. Cuca foi eleito ainda o melhor técnico do ano.



O único jogador não atleticano da seleção foi o atacante Ademir, do América, que coincidentemente passou a defender o Galo nesta temporada.

Autor de 36 gols e 13 assistências em 2021 pelo Atlético, Hulk foi eleito o craque da 21ª edição do Troféu Telê Santana. O atacante foi o artilheiro do Campeonato Brasileiro, com 19 gols, e da Copa do Brasil, com oito.

Por fim, o Galo levou o troféu de Destaque Nacional pelos três títulos conquistados na temporada 2021: Mineiro, Brasileiro e Copa do Brasil.

Clube com mais troféus no ranking histórico do Troféu Telê Santana, o Cruzeiro faturou os prêmios de Revelação, dado ao atacante Vitor Leque, de 21 anos, e Homenagem Especial, pelo centenário no ano de 2021.



Além de ter um representante na seleção do Telê Santana, com Ademir, o América recebeu outro prêmio de Homenagem Especial pela conquista da vaga inédita na Copa Libertadores de 2022. O clube fez história ao terminar o Campeonato Brasileiro em oitavo e assegurar lugar no torneio continental.

Os outros premiados da noite foram o Tombense, Destaque do Interior pelo título de campeão do interior no Campeonato Mineiro de 2021, e o Minas Tênis Clube, Destaque Especial pela conquista da Superliga Feminina de Vôlei em 2021.

Vencedores da 21ª edição do Troféu Telê Santana

 

Seleção do ano


Goleiro - Everson (Atlético)
Lateral-direito - Mariano (Atlético)
Zagueiros - Junior Alonso (Atlético) e Nathan Silva (Atlético)
Lateral-Esquerdo - Guilherme Arana (Atlético)
Volantes - Allan (Atlético) e Jair (Atlético)
Meias - Zaracho (Atlético) e Nacho (Atlético)
Atacantes - Hulk (Atlético) e Ademir (ex-América)
 
Técnico
Cuca (ex-Atlético)
 
Craque do Ano
Hulk (Atlético) - 36 gols

Revelação
Vitor Leque (Cruzeiro)

Destaque do Interior
Tombense (Campeão Mineiro do Interior)
 
DESTAQUE NACIONAL
Atlético - Campeão Brasileiro da Série A; Copa do Brasil e Estadual (Módulo 1 Masculino e Feminino)
 
DESTAQUE ESPECIAL
Minas Tênis Clube - Campeão da Superliga Feminina de Vôlei

HOMENAGEM ESPECIAL
Cruzeiro, Ano do Centenário (2021)
 
HOMENAGEM ESPECIAL
América, na Libertadores



Cerimônia em ano importante


A 21ª edição do Troféu Telê Santana foi especial pela coincidência com datas importantes da TV Alterosa. A emissora dos Diários Associados acaba de completar 60 anos, enquanto o programa Alterosa Esporte fez seu 25º aniversário.  ncoras da atração diária, Leopoldo Siqueira e Isabel Guimarães foram os apresentados da cerimônia de premiação.

Durante a live foram sorteadas camisas oficiais autografadas de Atlético, Cruzeiro, América e Minas Tênis (vôlei feminino). Os vencedores serão divulgados no Alterosa Esporte desta sexta (29).
Mestre Telê

Telê nasceu em Itabirito, na Região Central de Minas. Depois de brilhar como jogador, principalmente no Fluminense, ele foi ainda mais intenso como treinador. Seus principais trabalhos foram no comando de Atlético, Palmeiras e São Paulo, clubes pelos quais conquistou seus maiores títulos. Mas foi na Seleção Brasileira que ele registrou sua assinatura de Mestre dos Mestres. 

Telê não foi campeão mundial, mas marcou para sempre a história do futebol com sua lendária Seleção de 1982, que encantou o mundo com o futebol-arte, alegre e genial. Telê faleceu em 2006, em Belo Horizonte, onde viveu seus últimos anos ao lado da família e cercado de amigos e admiradores.

Processo de escolha


Os ganhadores do Troféu Telê Santana foram eleitos a partir dos importantes votos da crônica esportiva dos Diários Associados (TV Alterosa, Superesportes-Portal UAI, Estado de Minas e Aqui) e do Conselho de Notáveis, composto por craques que fizeram história no futebol. 

O conselho é presidido pelo técnico Renê Santana, filho do Mestre Telê, e conta com os ex-jogadores Raul Plassmann, João Leite, Nelinho, Luisinho, Wilson Piazza, Evaldo, Dirceu Lopes, Palhinha, Jair Bala, Éder Aleixo, Reinaldo, Paulo Isidoro, Dadá Maravilha, Ronaldo Luís, Toninho Almeida, Toninho Cerezo, Humberto Ramos, Lola, Vantuir Galdino, Nonato, Procópio Cardoso, Euller, Paulo Roberto Prestes e Natal.

Voto popular


Na terceira etapa, os atletas selecionados passaram por votação popular, quando milhares de telespectadores do programa "Alterosa Esporte" escolheram, em votação livre, seus craques em cada uma das posições.

Transparência


Todo o processo de seleção e votação foi acompanhado por auditores da Walter Heuer Auditores  Independentes, que garantiram a imparcialidade na apuração dos resultados a cada etapa.

Tags: atlético minas volei craque troféu prêmio cerimônia vencedores premiação hulk americamg atleticomg cruzeiroec interiormg 21ª edição telê santana troféu telê santana