Avaí

CRUZEIRO

Chance de acesso? Cruzeiro pode reduzir distância para o G4 contra o Avaí

Time celeste precisa ganhar em Santa Catarina na sexta-feira para seguir com probabilidade de subir à Série A do Campeonato Brasileiro

postado em 21/10/2021 06:00 / atualizado em 21/10/2021 13:35

(Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)

O Cruzeiro depende de 100% de aproveitamento nas oito partidas restantes da Série B para retornar à Primeira Divisão. Segundo o Departamento de Matemática da UFMG , a probabilidade de acesso no atual cenário é de apenas 0,16%.

Apesar dos números nada animadores, os atletas ainda não jogaram a toalha e falam em conquistar os três pontos diante do Avaí, às 21h30 desta sexta-feira, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, pela 31ª rodada.

“A gente acredita sim no objetivo que foi traçado desde o início. Existe uma pequena chance e é nela que a gente se apega para lutar jogo a jogo, ponto a ponto, para que a gente consiga chegar lá na frente com chances de buscar o objetivo final”, afirmou o zagueiro Ramon.

“Temos jogos decisivos. Embora as chances sejam bem pequenas, nunca vamos deixar de acreditar e trabalharemos com todas as nossas forças para que enquanto houver esperança tenha empenho da nossa parte. Vamos fazer isso sempre honrando as coisas da camisa que a gente usa”, destacou o volante Rômulo.

O eventual triunfo sobre o Avaí fará o Cruzeiro diminuir para oito pontos a distância do G4 e subir à 10ª posição. Isso porque o adversário catarinense é justamente o quarto, com 50, 11 a mais que a Raposa, em 12º, com 39.

Depois do duelo no Sul do país, a equipe treinada por Vanderlei Luxemburgo terá dois jogos consecutivos no Independência: Remo, às 21h30 de quinta-feira (28/10), pela 32ª rodada, e Vila Nova, às 19h de segunda-feira (01/11), pela 33ª rodada.

Ao mesmo tempo, clubes envolvidos na briga pelo G4 se confrontam na 32ª rodada, como CRB (5º, com 50) x Coritiba (1º, com 57); Goiás (3º, com 52) x Botafogo (2º, com 55) e Vasco (6º, com 46) x CSA (8º, com 45).

Arrancada inédita


Depois de pegar Avaí, Remo e Vila Nova, o Cruzeiro mede forças com Londrina (fora), Brusque (casa), Vitória (fora), Sampaio Corrêa (fora) e Náutico (casa). Se ganhar de todo mundo, atingirá 63 pontos, campanha que aponta 96,2% de chance de promoção.

Nenhum outro clube conseguiu a arrancada que o Cruzeiro busca na Série B. O América foi quem esteve mais perto, em 2014, quando contabilizava 42 pontos na 30ª rodada, 10 a menos que o então quarto colocado, Avaí.

Com seis vitórias, um empate e uma derrota nos oito jogos finais, o Coelho fez 61 pontos, porém o Avaí foi a 62 e garantiu o acesso. O alviverde obteve resultados para atingir 67, mas perdeu seis no STJD em razão da escalação irregular do lateral Eduardo.

Quem joga?


Para enfrentar o Avaí, o Cruzeiro não terá o volante Adriano, o armador Giovanni e o técnico Vanderlei Luxemburgo, advertidos com o terceiro cartão amarelo, além do meia Claudinho, que testou positivo para COVID-19.

Por outro lado, o zagueiro Ramon retorna de suspensão, enquanto o centroavante Marcelo Moreno fica à disposição depois de defender a Bolívia nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022.

Outras novidades são o lateral-direito Norberto, o volante Flávio, o meia Marcinho e os atacantes Bruno José e Wellington Nem. Todos eles sofreram recentemente com lesões e ficaram sob acompanhamento da fisioterapia e da preparação física. Agora, estão prontos para entrar em campo.

A provável escalação contará com Fábio; Rômulo (Norberto), Ramon, Eduardo Brock e Matheus Pereira; Lucas Ventura, Ariel Cabral (Rômulo) e Marco Antônio (Marcinho); Vitor Leque, Bruno José e Thiago (Marcelo Moreno).

Tags: números acesso Cruzeiro destaque serieb probabilidade interiormg futnacional avaisc