Corinthians

CORINTHIANS

Love espera que futebol volte logo para que funcionários sejam ajudados

Com surgimento da pandemia, salários no Corinthians foram reduzidos

postado em 29/05/2020 12:25 / atualizado em 29/05/2020 12:26

(Foto: Daniel Augusto Jr./Corinthians)


A pandemia do coronavírus vem causando sérios danos aos clubes de futebol. No Corinthians, após a determinação da redução salarial dos atletas profissionais em 25%, especula-se um corte de funcionários de alguns setores do clube. Entretanto, o atacante Vagner Love afirmou que ainda não houve demissões e espera que este cenário permaneça nos próximos dias.

A esperança do experiente jogador é que as partidas voltem logo, para que estas pessoas não corram o risco de perderem os seus empregos.

"A gente sabe das dificuldades que todo mundo está enfrentando, não só os funcionários do Corinthians, como também os de todas as empresas. Claro que nós, jogadores, estamos sendo afetados, mas não tanto quanto os funcionários. Fico feliz que o Corinthians ainda não tenha mandado ninguém embora e espero que isso continue. Então, eu espero que o futebol volte logo para a gente poder ajudar essas pessoas a não perderem seus empregos. A gente concorda em voltar, mas com tudo adaptado, com as medidas corretas, para que a pandemia não volte e o país não pare de novo", disse em uma live à Assessoria Team Star.

As competições nacionais estão paralisadas desde o meio de março. Com isso, após mais de dois meses de paralisação, as especulações de uma possível volta crescem a cada dia. Alguns clubes, inclusive, já retornaram aos treinamentos presenciais, mas ainda não há uma data para que os torneios retornem.

Para Love, que vê a Europa como um exemplo a ser seguido, a volta promete ser muito corrida e os times vão ter que se preparar bem para conseguirem aguentar o ritmo.

"Nós temos exemplos de como está sendo a volta na Europa, onde alguns países já voltaram a jogar, só que todo mundo se cuidou para que isso acontecesse. Eu sei que quando voltarmos vai ser uma batida muito grande de jogos, campeonato em cima de campeonato, com até três jogos em sete dias talvez. Então nós vamos ter que se preparar bem e recuperar o entrosamento para conseguir aguentar toda essa carga de treinamentos e jogos que vão vir, e espero que isso aconteça em breve", concluiu.

Tags: vagner love futnacional