UAI

2

Fábio Costa recorda lance polêmico com Tinga e diz: 'O choro é livre'

Ex-goleiro não fugiu da polêmica ao comentar lance do jogo entre Corinthians e Internacional, pelo Brasileiro de 2005, que até hoje repercute

29/03/2022 08:44 / atualizado em 29/03/2022 10:01
compartilhe
Lance entre Tinga e Fábio Santos, no Brasileiro de 2005
foto: Reprodução de video

Lance entre Tinga e Fábio Santos, no Brasileiro de 2005

Em participação no quadro Na Parede, do programa Arena SBT, o ex-goleiro Fábio Costa recordou um episódio polêmico de sua carreira. Na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro de 2005, o ex-jogador do Corinthians derrubou Tinga, do Internacional, dentro da área, mas o árbitro mineiro Márcio Resende de Freitas não assinalou a penalidade.

O jogo terminou empatado por 1 a 1 e o alvinegro paulista faturou o título do torneio naquele ano, mas o lance gera discussões até os dias atuais.

Questionado sobre o que diria em um possível encontro com o ex-meia colorado, Fábio Costa respondeu: "O choro é livre e segue o baile".

Fábio Costa não se esquisvou da polêmica. "Se eu encontrasse o Tinga eu falaria: o choro é livre e segue o baile." 

"É posicionamento de jogo, eu tinha essa função de jogar um pouco mais adiantado para fazer a cobertura do zagueiro. É um risco que pode acontecer", complementou o ex-goleiro.
Compartilhe