Cruzeiro

CRUZEIRO

Thiago Neves opina sobre estratégia do Cruzeiro: 'Temos que atacar o São Paulo'

Na visão de meio-campista, time celeste não pode ficar somente na defesa

postado em 18/04/2017 08:47 / atualizado em 18/04/2017 08:56

Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press

Com dois gols de vantagem no confronto válido pela quarta fase da Copa do Brasil, o Cruzeiro poderia se dedicar exclusivamente à marcação na partida desta quarta-feira, às 19h30, contra o São Paulo, no Mineirão, para conseguir a vaga nas oitavas de final. O meia Thiago Neves, no entanto, não pensa dessa forma. Segundo ele, o time celeste precisa atacar também, sobretudo por estar em casa e contar com o apoio dos torcedores cruzeirenses. Na ótica do camisa 30, fazer um gol e aumentar a diferença sobre o Tricolor é o melhor caminho na busca pela classificação.

“Jogando no Mineirão não sei se será assim (estratégia defensiva). O Mano vai decidir nos treinos, mas acho que temos que atacar o São Paulo. Temos de atacar para fazer um gol, aumentar a vantagem... mesmo sabendo que eles vão vir para cima. Estaremos em casa. Eles vão ter que atacar, mas com cuidado, pois temos contra-ataque rápido e forte. Não vamos ficar só defendendo. Vamos agredir o São Paulo também”, opinou o armador, que não se ilude com o placar de 2 a 0 conquistado na quinta-feira passada, no Morumbi.

“A gente não pode chegar na quarta-feira e achar que está classificado. Por mais que tenhamos ganhado de 2 a 0, do outro lado está o São Paulo, uma equipe que tem vários jogadores de qualidade e que pode chegar aqui e reverter. Então acho que o jogo será difícil. É hora de ter experiência em campo, segurar um pouco a bola, ganhar um tempinho a mais e conversar também. Aqui no grupo há vários jogadores que ganharam coisas importantes... quarta-feira é hora de usar a experiência, pois isso vai nos ajudar”.

O desejo de jogar de maneira ofensiva parte justamente de quem se mostra bastante participativo na construção dos gols cruzeirenses. Em 11 jogos, Thiago Neves marcou três vezes, deu cinco assistências para os companheiros e foi o responsável pelos cruzamentos que originaram três gols contra de adversários. Na visão do meio-campista, o entendimento com os colegas de setor ofensivo tem sido crucial para a caminhada até a ousada meta de 20 gols e 15 assistências em 2017.

 “Já me acostumei ao estilo de jogo de vários. Arrascaeta gosta de receber a bola nos pés para partir para cima dos zagueiros. O Rafinha e o Rafa (Sobis) já gosta de espaço. Estou bem adaptado, já conheço vários jogadores e a forma que eles gostam de receber a bola. Todos também me conhecem e sabem do meu estilo de jogo. É isso que está me ajudando. Vou continuar da mesma forma, com gols e assistências, e chegarei à meta”.

Participações de Thiago Neves em gols:


Gols:

- Em chute rasteiro com o pé direito da entrada da área, marcou o primeiro gol do Cruzeiro na vitória por 2 a 1 sobre o Atlético, no Mineirão, em clássico válido pela 10ª rodada do Campeonato Mineiro, no dia 1º de abril;

- Com o pé esquerdo, balançou a rede do Nacional-PAR na vitória do Cruzeiro sobre o Nacional-PAR por 2 a 1, no Mineirão, no jogo de ida da primeira fase da Copa Sul-Americana, em 4 de abril;

- De dentro da pequena área, anotou o tento de empate com o América (1 a 1), no Independência, pelo jogo de ida das semifinais do Campeonato Mineiro, em 16 de abril.

Assistências:

- Deu dois passes para Rafael Sobis marcar na vitória por 6 a 0 sobre o São Francisco-PA, no Mineirão, pela segunda fase da Copa do Brasil, em 22 de fevereiro;

- Em cobrança de falta, colocou a bola na cabeça de Manoel, que marcou um dos gols cruzeirenses no triunfo por 2 a 0 sobre o Murici-AL, fora de casa, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Partida aconteceu no dia 8 de março.

- Com um toque leve na bola, deixou Arrascaeta na cara do gol para marcar o segundo gol celeste na vitória por 2 a 1 sobre o Atlético, pelo Mineiro;

- Bateu falta para Hudson marcar, de cabeça, o segundo tento cruzeirense na vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo, no dia 13 de abril, pelo jogo de ida da quarta fase da Copa do Brasil (Morumbi).

Participações em gols contra de adversários


- Na vitória por 3 a 0 sobre o Murici-AL, no Mineirão, no dia 15 de março, Thiago Neves participou de duas jogadas que resultaram em gols contra. Primeiro, ele bateu falta fechada e viu o zagueiro Cláudio desviar de cabeça. Depois, cobrou escanteio e contou com corte equivocado do meia Deysinho. Com o resultado, o Cruzeiro confirmou o favoritismo e avançou na Copa do Brasil;

- Também na competição nacional, Thiago cobrou a falta que terminou em corte malsucedido de Lucas Pratto, do São Paulo. O argentino mandou a bola contra o próprio patrimônio e contribuiu para a derrota de sua equipe por 2 a 0 diante de mais de 43 mil torcedores.

Tags: sao paulo thiago neves copadobrasil interiormg cruzeiro